quarta-feira, julho 15, 2020

RN contabiliza 40.606 casos de coronavírus e 1.473 mortes.

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta quarta-feira(15). Os casos confirmados chegam a 40.606. No boletim dessa terça-feira eram (40.341 ).

O total de vítimas da covid-19 no RN chega a 1.473, sendo 13 nas últimas 24 horas. Óbitos em investigação são 221.

Os casos suspeitos somam 54.421, descartados(63.158) e pacientes recuperados são 3.258(sem atualização desde sexta(10).

COVID-19: RN tem 662 pacientes internados, sendo 343 em leitos críticos; taxa de ocupação neste momento é de 86,3%.

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os dados do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta quarta-feira(15). Na ocasião, foi informada a taxa de ocupação geral de leitos, que registra neste momento 86,3%.

A Sesap também informou que 662 pessoas estão internadas em hospitais públicos, privados ou filantrópicos, entre suspeitos, confirmados, pacientes em enfermaria ou críticos, que neste último caso, somam (343 críticos e 319 clínicos).

Entre regiões, a ocupação se encontra no seguinte cenário:
Mato Grande: 100%
Oeste (Mossoró):  92%
Região metropolitana de Natal: 86%
Seridó: 83%
Alto Oeste (Pau dos Ferros): 50%

Polícia resgata adolescente potiguar levado para exploração sexual em SP.

Uma investigação da Delegacia de Nísia Floresta, com apoio da Polícia Civil do Estado de São Paulo, resultou no resgate, ontem terça-feira (14), de um adolescente potiguar de 13 anos, que havia sido levado à capital paulista para práticas de exploração sexual . O jovem, que morava em Nísia, possui deficiência mental e foi levado por uma mulher no último dia 6.

De acordo com as investigações, Luciana Silva de Sousa, de 22 anos é, provalvelmente, garota de programa. Ela seria a responsável por levar o adolescente da casa dos parentes, na Zona Rural de Nísia Floresta, para São Paulo. Luciana teria prometido dinheiro à vítima, para, suspostamente, submetê-lo à prostituição.

“Nossa equipe de Nísia Floresta identificou que a suspeita estava na capital paulista e conseguiu manter uma comunicação com a mulher, com o auxílio da internet. Durante aproximadamente quatro horas, nós negociamos para que ela entregasse o adolescente no 74º Distrito Policial de Parada de Taipas, uma delegacia mais próxima do local em que a vítima estava”, declarou o delegado titular de Nísia Floresta, Júlio Costa.

O adolescente será entregue à família no Rio Grande do Norte e Luciana vai ser indiciada pela Delegacia de Nísia Floresta pela prática dos crimes de subtração de incapaz e favorecimento à prostituição.

No Brasil, 50 milhões de estudantes não completaram ensino básico, diz IBGE.

O Brasil tem 50 milhões de jovens entre 14 e 29 anos que não conseguiram completar o ensino básico, como mostra a Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) Contínua de 2019, divulgada nesta quarta-feira (15) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O ciclo básico de aprendizagem termina quando o estudante se forma no ensino médio.

Os números da pesquisa colocam em evidência as desigualdades entre gênero, entre as regiões do país e renda.

A Pnad aponta que 20,2% dos jovens não completaram o ensino médio, seja por terem abandonado a escola antes de concluir esta etapa ou mesmo por nunca ter frequentado, 10,1 milhões estão nessa situação —  58,3% homens e 41,7% mulheres. A maioria, 71,7%, é composta por pretos ou pardos e 27,3% são brancos.

Ainda com relação a grupo de jovens, 23,8 milhões de pessoas de 15 a 29 anos com nível de instrução até o superior incompleto não frequentavam escola, curso de educação profissional ou pré-vestibular. A maioria, 53% eram homens e 65,7% de cor preta ou parda.

Ainda entre os jovens brasileiros, 55,6% dos homens param de estudar porque precisam trabalhar. Entre as mulheres, 38,7% diz que precisa realizar tarefas domésticas e cuidar de outras pessoas.

Mesmo com redução, analfabetismo ainda atinge 11 milhões de brasileiros.

A taxa de analfabetismo no Brasil passou de 6,8%, em 2018, para 6,6%, em 2019, segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua Educação, divulgada nesta quarta-feira (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Apesar da redução, que representa cerca de 200 mil pessoas, o país ainda tem 11 milhões de analfabetos, pessoas com 15 anos ou mais que, pelos critérios do IBGE, não são capazes de ler e escrever nem ao menos um bilhete simples.

“É uma taxa que vem baixando ao longo do tempo”, diz a analista da pesquisa Adriana Beringuy. Em 2016, era 7,2%. “O analfabetismo está mais concentrado entre as pessoas mais velhas, uma vez que os jovens são mais escolarizados e, portanto, vão registrar indicador menor”, acrescenta. Apesar de ter registrado queda, os dados mostram que 18% daqueles com 60 anos ou mais são analfabetos. Em 2018, eram 18,6% e, em 2016, 20,4%.

Reduzir a taxa de analfabetismo no Brasil está entre as metas do Plano Nacional de Educação (PNE), Lei 13.005/2014, que estabelece o que deve ser feito para melhorar a educação no país até 2024, desde o ensino infantil, até a pós-graduação. Pela lei, em 2015, o Brasil deveria ter atingido a marca de 6,5% de analfabetos entre a população de 15 anos ou mais. Em 2024, essa taxa deverá chegar a zero.  “A gente percebe que chegou em 2019 com a taxa nacional próxima à meta de 2015, é como se estivéssemos quatro anos atrasados nesse atendimento”, diz Adriana.

396 mil agentes públicos receberam indevidamente auxílio emergencial.

A Controladoria-Geral da União (CGU) identificou 396.316 agentes públicos que receberam o auxílio emergencial indevidamente no mês de maio. Nesta conta, entram servidores federais e estaduais, além de militares. Os números são de uma atualização feita na segunda-feira, dia 13, pela CGU a partir de cruzamentos de bancos de dados.

Do total de agentes que receberam o recurso do governo, 17.551 constam como servidores militares da União, ativos ou inativos, ou pensionistas. Outros 7.236 beneficiários foram identificados como servidores federais com vínculo ativo no Sistema Integrado de Administração de Pessoal (Siape). Os demais 371.529 funcionários são das esferas estadual, distrital e municipal, incluídos ativos, inativos e pensionistas.

A concessão equivocada do benefício representou gasto de R$ 279.674.400 para os cofres públicos em maio. A quantidade de pagamentos é maior que a de beneficiários, pois no período de 1º a 31 de maio há pessoas que receberam duas parcelas.

Procura por leitos para tratamento da Covid-19 diminui em Natal; Taxa de Transmissibilidade é de 0,86.

As medidas de contenção ao avanço da Covid-19 adotadas pela Prefeitura de Natal (RN) têm contribuído para o arrefecimento de novos casos e a consequente redução da procura de leitos na capital.

Sinais da diminuição no número de casos podem ser aferidos no balanço diário do município.

De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a taxa de ocupação de leitos para Covid-19 em Natal está abaixo dos 80%.

Torcedor do América é morto durante comemoração do aniversário do clube.

Um torcedor do América de Natal, identificado como Diego Eric Brito da Silva, de 24 anos, foi morto durante a queima de fogos em uma comemoração na noite de ontem terça-feira (14), na Cohabinal, em Parnamirim. Apesar da morte ter sido na festa de aniversário de 105 anos do clube, a polícia acredita que o motivo não foi por briga entre torcidas organizadas.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que um homem se aproxima da vítima, que estava acompanhando a queima de fogos. O assassino chega perto e realiza vários disparos. Diego morreu no meio da via.

A polícia ainda investiga o que poderia ter motivado o crime e faz buscas pelo assassino.

4ª parcela do auxílio começa a ser paga dia 20 ao Bolsa Família.

Os beneficiados do Bolsa Família serão os primeiros a receber a quarta parcela do auxílio emergencial a partir da próxima segunda-feira (20). Esse grupo segue o calendário regular de pagamento do programa, que é realizado nos dez últimos dias úteis de cada mês, de forma escalonada, de acordo com o NIS (Número de Identificação Social).

O governo federal e a Caixa ainda não divulgaram as datas da 4ª parcela para os demais cadastrados pelo aplicativo e site do bando ou pelo CadÚnico.

Neste sábado (18), começa um novo calendário de saque para o grupo de 40,4 milhões de beneficiários do lote 1 (terceira parcela), lote 2 (segunda parcela) e lote 4 (primeira parcela), de acordo com a data de aniversário. Para não ter filas e aglomerações, o depósito do benefício já foi realizado na conta digital, que é possível pagar contas e fazer compras por meio do aplicativo Caixa Tem.

Conta de luz de consumidores terá reajuste médio de 3,9%.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, reajuste de 26% na receita anual das empresas de transmissão de eletricidade, alta equivalente a 3,9% nas contas de luz dos consumidores.

Segundo a Aneel, a conta de luz é composta por um conjunto de fatores, como a compra de energia, pagamentos de subsídios e a contratação de redes de transmissão. O que a Aneel aprovou nesta terça-feira foi aumentar a receita das transmissoras, com o impacto sendo repassado para os consumidores.

PF faz operação em cinco estados contra desvios em fundos de pensão.

Operação da Polícia Federal, deflagrada nesta quarta, cumpre cumpre 71 mandados de busca e apreensão — todos expedidos pela 3ª Vara da Justiça Federal em Porto Velho (RO) — em cinco estados: Rondônia, São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Minas Gerais.

A investigação mira uma organização criminosa especializada em fraudes a fundos de previdência municipais, num esquema semelhante ao já verificado em outras operações pelo país onde golpistas se valem de agentes corruptos em prefeituras para simular operações e saquear os cofres dos fundos.

Barroso veta biometria nas eleições para evitar aglomerações e filas.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, decidiu retirar a biometria da eleição municipal deste ano.

O ministro seguiu recomendação de um grupo de médicos e dos técnicos da corte, que constataram que a identificação por digital poderia representar até 70% do tempo gasto por eleitor para votar.

A expectativa é que o veto à tecnologia reduza a criação de filas e de aglomerações, o que é recomendável por causa da pandemia do novo coronavírus. A questão deve ser incluída nas resoluções da eleição de 2020 e levada a referendo do plenário do TSE na volta do recesso, em agosto.

Assim, a tendência é que todos os ministros, com quem Barroso tem mantido contato, sigam na mesma linha e aprovem a retomada da identificação por assinatura no caderno de votação.

Por causa da pandemia, o adiamento do pleito foi aprovado pelo Congresso e, agora, o primeiro turno será realizado em 15 de novembro e o segundo, se necessário, em 29 de novembro.

Para reduzir o risco de contágio, o TSE deverá fazer uma campanha para estimular as pessoas a levarem a própria caneta no dia da votação.

A escolha também envolveu um cálcul o político. Isso porque a identificação biométrica representa um dos principais esforços da Justiça Eleitoral nos últimos anos, que teve de promover o cadastro biométrico de milhões de eleitores pelo Brasil.

A ferramenta serve para combater fraudes e dirimir as críticas sobre as suspeitas relativas à lisura das urnas eletrônicas.

A decisão foi tomada após Barroso ouvir os médicos David Uip, do Hospital Sírio-Libanês, Marília Santini, da Fiocruz, e Luís Fernando Aranha Camargo, do Hospital Albert Einstein, que integram um grupo formado pelo tribunal para debater medidas a serem adotadas no pleito deste ano.

A parceria da corte foi firmada com as instituições de saúde que os especialistas representam e é prestada de forma gratuita a fim de estabelecer um protocolo de segurança a ser replicado em todas as seções eleitorais do Brasil.

SBT irá transmitir jogo de times do eixo Rio-São Paulo pela 1ª vez em 17 anos.

Pela primeira vez em 17 anos, o SBT irá transmitir um jogo de times do eixo Rio-São Paulo após o Flamengo fechar contrato de transmissão da final do Campeonato Carioca, que acontece nesta quarta-feira (15). No primeiro jogo, o rubro-negro venceu o Fluminense por 2 a 1.

O Flamengo se utilizou da Medida Provisória 984, que dá ao time mandante a possibilidade de negociar os direitos de transmissão da partida.

“Eu vejo de maneira muito positiva a volta do SBT ao esporte. É positivo para o esporte, para as emissoras de televisão e para os patrocinadores termos outros canais para transmitirem o futebol,” disse Teo José, narrador que fará o jogo da final do Campeonato Carioca

O clube rubro-negro não fechou contrato com a Rede Globo para a transmissão de seus jogos no Campeonato Carioca 2020 e, desde o retorno do futebol após a paralisação do novo coronavírus, transmite suas partida pela FlaTV, canal de Youtube do time, amparando-se na MP editada por Jair Bolsonaro.

Corpo de homem que desapareceu no açude Gargalheiras é encontrado.

O corpo de Jácio Mamede Galvão, desaparecido desde domingo no açude Gargalheiras, em Acari, no Seridó potiguar, foi encontrado sem vida na tarde desta terça-feira (14) preso a um pedra.

De acordo com informações, o homem pegou a lancha para passear no açude por volta das 16h do domingo. Após sair para o passeio, Jácio não foi mais visto.

Desde então, o Corpo de Bombeiros (CBM) foi acionado para auxiliar nas buscas. A Polícia Militar também foi acionada.

Segundo moradores da região, uma sacola com a máscara que Jácio usava e uma quantia de R$ 50, foram encontradas no dia do desaparecimento.

WhatsApp apresenta falha na troca de mensagens.

O WhatsApp está fora do ar e parou de funcionar para alguns usuários na tarde desta terça-feira (14). O serviço não envia mensagens, bem como não permite receber recados. A instabilidade hoje começou na versão Web, que exibia o aviso “Conectando ao WhatsApp”. No entanto, a falha também afeta o app para celular em alguns casos, embora não seja possível perceber um padrão para o erro.

Segundo o site Downdetector, que monitora o funcionamento de serviços online, o WhatsApp caiu por volta das 16h40. A plataforma registrou um pico com mais de 16 mil reclamações, sendo maioria de países da Europa e da América, incluindo o Brasil. De acordo com os relatos, os principais problemas estão relacionados à conexão e ao envio e recebimento de mensagens.

PRF apreende cerca de 1 tonelada de lagosta em Touros/RN.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu nesta terça-feira (14) cerca de 1.000 quilos de lagosta em Touros, no litoral Norte potiguar. Ainda não há detalhes sobre a ocorrência.

De acordo com a equipe da PRF, a carga apreendida está sendo levada para a sede da Polícia Federal, em Natal.

Guararapes demite 320 funcionários da fábrica no RN.

O grupo Guararapes demitiu 320 funcionários que atuavam na fábrica localizada em Extremoz, na Grande Natal. Em nota, a empresa afirmou que passa por readequação causada pela pandemia do novo coronavírus.

A fábrica contava com mais de 7 mil funcionários.

Confira a nota na íntegra:

A Riachuelo esclarece que está passando por uma readequação do seu negócio neste momento em que todo o varejo, um dos setores mais afetados da economia, foi desafiado pela pandemia. Hoje foram desligados 320 colaboradores em Natal. O grupo emprega mais de 40 mil pessoas em todo o país e segue totalmente comprometido com seus planos para o Brasil e em preservar ao máximo os seus colaboradores, que estão no coração da estratégia da companhia.

terça-feira, julho 14, 2020

Governo passa a permitir que empresas recontratem funcionários demitidos há menos de 90 dias.

O Ministério da Economia editou, nesta terça-feira, uma portaria que permite que as empresas recontratem um mesmo empregado demitido num prazo inferior a 90 dias da data da rescisão contratual.

Atualmente, isso é vedado pela portaria 384, publicada há 28 anos pelo extinto Ministério do Trabalho. Agora, a recontratação do mesmo funcionário no prazo de até 90 dias da rescisão será permitida até 31 de dezembro deste ano, quando encerra o período de calamidade pública decorrente do novo coronavírus.

Juiz bloqueia bens do Manoa Park para pagamento de dívidas trabalhistas.

O juiz da 7ª Vara do Trabalho de Natal, Inácio André de Oliveira, concedeu liminar em ação para bloquear os bens dos sócios do Manoa Park em nome de 60 colaboradores demitidos pela direção do estabelecimento.

Na segunda quinzena de junho, a direção do Manoa comunicou o encerramento temporário das atividades do parque aquático localizado em Maxaranguape, na região metropolitana de Natal. “Mas o parque fechou as portas, demitiu mais de 60 colaboradores e não pagou nada a ninguém”, denunciaram os advogados Sebastiao Leite Jr. e Priscila Lucena.

A decisão cautelar do juiz visa garantir a execução das medidas reclamadas pelos funcionários, preservando os ativos da empresa de maior liquidez, ante a notória dificuldade financeira decorrente da pandemia de Covid-19.

Covid-19: Brasil registra 1.300 mortes em 24 horas, diz Saúde.

O Brasil registrou 1.300 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, segundo o Ministério da Saúde. Com isso, subiu para 74.133 o número de vítimas fatais da doença no país.

De ontem para hoje, segundo a pasta, foram 41.857 diagnósticos positivos, o que elevou para 1.926.824 o total de casos confirmados da doença no Brasil.

Na segunda (13), foram registrados 733 mortes e 20.286 novos casos.

Após promessa russa, EUA anunciam vacina para covid em fase final.

A empresa de biotecnologia dos Estados Unidos Moderna informou nesta terça-feira que entrará na fase final de seus testes em humanos para a vacina COVID-19 em 27 de julho, sendo a primeira empresa a chegar nessa etapa.

O estudo recrutará 30.000 participantes nos EUA, com metade para receber a vacina em níveis de dose de 100 microgramas e a outra metade para receber um placebo.

O governo russo prevê iniciar, em um mês, “a circulação pública” de uma fórmula contra o Sars-CoV-2. A vacina foi desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, em parceria com a Universidade Sechenov, e tem obtido resultados promissores nas primeiras fases dos ensaios com humanos.

A expectativa é que em agosto uma pequena quantidade de doses da vacina já esteja pronta. Essa nova etapa funcionaria como uma fase 3 dos ensaios clínicos, quando se avalia a eficácia de uma vacina a partir de um número maior de voluntários.

segunda-feira, julho 13, 2020

Museu da Língua Portuguesa propõe uso da palavra para lidar com a dor.

O Museu da Língua Portuguesa lançou nesta segunda-feira (13), na capital paulista, o projeto virtual A Palavra no Agora, que estimula o público, a partir de exercícios de escrita, a se expressar sobre o período em que vivemos. O objetivo é ajudar as pessoas a lidar com os sentimentos causados pela pandemia de Covid-19.

Os exercícios são baseados em roteiros com perguntas simples, que servem como referência para fazer as pessoas refletirem e transformarem em texto o sentimento sobre o momento. Segundo o museu, os textos produzidos poderão ser compartilhados no próprio site. O projeto está disponível gratuitamente em noagora.museudalinguaportuguesa.org.br . 

“Vivemos um momento de perdas físicas e simbólicas. A incerteza, a morte, o adiamento de planos, a doença, o isolamento, a crise econômica, a distância, tudo isso tem um impacto enorme na vida de todos os brasileiros. Na ausência do acolhimento físico, do contato, o que nos une hoje são as palavras, ditas e escritas”, explica Marília Bonas, diretora técnica do IDBrasil, organização social que gerencia o Museu da Língua Portuguesa.

O projeto disponibiliza trechos de obras literárias que falam sobre o sentimento de perda, resenhas de livros e filmes que, de alguma forma, tratam do assunto. Os participantes também podem tomar a iniciativa de sugerir obras que possam apoiar e inspirar outras pessoas neste momento.

O Museu da Língua Portuguesa é uma instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do governo do estado de São Paulo, e está em reconstrução. Em 2015, um incêndio, que atingiu três andares e sua cobertura, destruiu o local.

PM prende homem que criava duas cobras sem autorização no Alecrim em Natal/RN.

Um homem foi preso nesta segunda-feira (13) com duas cobras, de acordo com a Polícia Militar. Os animais, uma jiboia e outra serpente asiática, foram apreendidos na casa do rapaz no Alecrim, bairro da Zona Leste de Natal.

Segundo a PM, o homem criava as cobras sem autorização, o que configura crime ambiental. Ele foi detido e levado para a Central de Flagrantes da Zona Sul, mas já foi liberado.

A polícia entrou em contato com o Idema e com o Ibama para tomar as providências corretas sobre os animais.

Ocupação geral de leitos cai para menos de 80% no RN, mas é preciso manter cuidados.

Ao participar da entrevista coletiva para atualização dos dados epidemiológicos e prestação de contas das ações do Governo no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus nesta segunda-feira, 13, a governadora Fátima Bezerra disse que o RN conseguiu reduzir a taxa geral de ocupação de leitos críticos para menos de 80% e manter a taxa de transmissibilidade abaixo de 1.

“Estamos alcançando a meta de 80% de ocupação nos leitos de UTI. Isso é resultado de um governo que tem compromisso em primeiro lugar com a defesa da vida do povo do RN. Não temos medido esforços para garantir assistência à saúde do nosso povo. O dia de hoje expressa esperança e confiança, na medida em que estamos zerando a fila de pacientes para leitos de UTI e reduzindo a ocupação geral de leitos em todo o Rio Grande do Norte”.

A chefe do Executivo estadual saudou toda a equipe da Sesap e demais órgãos da administração pelo empenho na força tarefa para enfrentamento à Covid. “Esse trabalho permitiu que ao longo de quatro meses conseguíssemos instalar 542 leitos para pacientes Covid no RN, dos quais 281 leitos são do tipo críticos e 229 leitos, clínicos. Desses, 32 são leitos ofertados pela Prefeitura de Natal que receberam equipamentos do Estado. Sozinho, o governo estadual garantiu 510 leitos críticos e clínicos para os pacientes com Covid em todas as regiões”.

Os bons resultados, ressaltou Fátima Bezerra, não significam que a pandemia já passou. “O cenário ainda requer muito cuidado. O Governo está fazendo sua parte, garantindo assistência à saúde da população. E a sociedade precisa fazer a parte que lhe cabe usando máscaras, respeitando as medidas de distanciamento e de isolamento ainda em curso”.

A governadora também alertou para as responsabilidades das prefeituras: “Faço um chamamento às prefeituras por que têm papel fundamental nesse contexto. Cabe a elas o cumprimento rigoroso dos protocolos sanitários e das medidas restritivas ainda em curso. Estamos trabalhando com a perspectiva de retomar as atividades econômicas na próxima quarta-feira e para isso se faz necessário o alerta à sociedade, prefeituras e aos empresários para o cumprimento rigoroso dos protocolos sanitários”.

Fátima afirmou que o Pacto pela Vida continua e que o Governo mantém a disponibilidade das forças de segurança para, em apoio às prefeituras, garantir o cumprimento das medidas sanitárias.

Covid-19: Brasil tem 72.833 óbitos. 733 nas últimas 24 horas.

Quatro meses após a primeira morte por coronavírus no Brasil (que aconteceu em 12/3, de acordo com o Ministério da Saúde), o Brasil chegou a 72.833 óbitos decorrentes da doença. Apenas nas últimas 24h, foram registrados mais 733 falecimentos. O país conta ainda 1.884.967 casos confirmados de Covid-19, sendo que 20.286 notificações foram feitas desde as atualizações deste domingo (12/7).

Universidade da Rússia conclui testes clínicos e é país mais próximo da vacina.

A Rússia anunciou no último domingo, 12, que concluiu a primeira fase de testes de uma vacina contra a Covid-19. O País está mais perto de se tornar o primeiro a iniciar a distribuição de uma vacina contra o coronavírus para a população.

“A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura”, disse Yelena Smolyarchuk, chefe do centro de pesquisas clínicas da Universidade Sechenov, à agência de notícias estatal TASS.

A vacina aprovada foi desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa para Epidemiologia e Microbiologia Gamalei. Segundo o diretor da instituição, Alexander Gintsburg, a previsão é que a vacina “entre em circulação civil” entre 12 e 24 de agosto.

Os testes com a vacina começaram no dia 18 de junho, quando o primeiro grupo, de 18 voluntários, recebeu a imunização. Cinco dias depois, no dia 23, mais 20 pessoas receberam a dose, também deste tipo.

10 milhões de crianças podem abandonar a escola, aponta ONG.

A ONG britânica de direitos humanos Save the Children apresentou nesta segunda-feira (13) um relatório global em que aponta que, por conta da pandemia do novo coronavírus, 9,7 milhões de crianças correm o risco de não retornarem à escola.

De acordo com o relatório, as crianças mais pobres e em situação de maior vulnerabilidade correm um risco maior de evasão escolar. A ONG considera que estamos vivendo um momento de “Urgência Educacional Mundial”.

Somente no mês de abril, mais de 1,6 bilhões de estudantes estavam fora da escola, “pela primeira vez na história da humanidade uma geração inteira viu o retorno escolar suspenso,” destaca o relatório. Antes da pandemia, segundo estudo da ONG, 258 milhões de crianças não estavam estudando.

A Save the Children alerta para o risco da pandemia agravar ainda mais o financimaneto da educação, as desiguldades sociais e também as desigualdades de acesso escolar entre meninos e meninas. 

Em 12 países, principalmente no centro e no oeste da África, assim como no Iêmen e no Afeganistão, as crianças enfrentam um “risco muito grande” de não voltar à escola após o confinamento, especialmente as meninas.

Após desmatamento recorde na Amazônia, governo exonera coordenadora do Inpe.

O governo exonerou a coordenadora-geral de Observação da Terra do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Lubia Vinhas. A exoneração, assinada pelo ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, foi publicada na edição desta segunda-feira (13) do “Diário Oficial da União”.

Ainda não foi divulgado posicionamento dos ministérios do Meio Ambiente e de Ciência e Tecnologia sobre a decisão.

A Observação da Terra é a área do Inpe responsável, entre outras atribuições, pelo monitoramento da devastação da Amazônia, por meio do sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (Deter).

Na semana passada, o Inpe divulgou que junho teve o maior número de alertas de desmatamento para o mês em toda a série histórica, iniciada em 2015.

No acumulado do semestre, os alertas indicam devastação em 3.069,57 km² da Amazônia, aumento de 25% em comparação ao primeiro semestre de 2019. Só em junho, a área de alerta foi de 1.034,4 km².

Os dados servem de indicação às equipes de fiscalização sobre onde pode estar havendo crime ambiental. Os números não representam a taxa oficial de desmatamento, que é medida por outro sistema, divulgado uma vez ao ano.

Em nota divulgada pouco após a exoneração, o Greenpeace afirmou que a demissão “não supreende” em razão de decisões anteriores tomadas pela gestão Jair Bolsonaro, mas “dá novamente a entender que o governo é inimigo da verdade”.

“Mas não será escondendo, passando uma maquiagem nos dados ou investindo em propaganda que o governo irá mudar a realidade. E isso acontece por uma razão bem simples: Bolsonaro não quer mudar os rumos da sua política, afinal, a destruição é o seu projeto do governo”, diz o comunicado da porta-voz de Políticas Públicas da organização, Luiza Lima.

Rio Grande do Norte apresenta o selo Turismo Mais Protegido.

Garantir ao turista a realização de elevados protocolos sanitários nos estabelecimentos é o que levou o Governo do Rio Grande do Norte a criar o selo Turismo Mais Protegido. Numa iniciativa conjunta da Secretaria de Turismo do RN (Setur), Emprotur, Sistema Fecomércio, por meio do Senac, Sebrae e as entidades do trade turístico, o selo busca fortalecer a confiança dos viajantes, apresentando empresas e serviços empenhados em resguardar a saúde e a segurança de turistas e moradores.

Construído com base em estudos e padrões sanitários recomendados nacional e internacionalmente, o selo surge em uma plataforma digital já disponível online. No site www.turismoprotegido.rn.gov.br, os viajantes poderão conhecer as empresas credenciadas com base no destino de seu interesse e preparar um roteiro seguro para sua visita ao Rio Grande do Norte.

As empresas e demais serviços turísticos interessados em compor o site precisam checar os procedimentos e critérios para obterem o selo e utilizarem o site como forma de divulgação do seu produto.

Nova parcela de socorro a estados e municípios será depositada nesta segunda-feira.

O Tesouro Nacional informou que depositará nesta segunda-feira (13) a segunda parcela do socorro a estados e municípios. O repasse soma R$ 15,038 bilhões. A parte da ajuda foi depositada em junho.

O socorro foi aprovado pelo Congresso Nacional e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro para ajudar no combate aos efeitos da pandemia do novo coronavírus.

Inter TVCabugi de Natal (RN) acabou o Globo Esporte.

A crise na InterTV Cabugi, afiliada da Globo no RN, só aumenta. Hoje (13) a tarde a emissora demitiu toda a equipe do Globo Esporte local. O apresentador e editor Thiago Cesar e os videorrepórteres, estudantes de jornalismo, Luiz Gustavo Ribeiro e Douglas Lemos. A insegurança nos bastidores só aumenta, Thiago era um nome forte dentro da InterTV, pois era um cargo indicado da Rede Globo.

Governo do RN adianta pagamento de julho nesta quarta (15).

O Governo do Estado inicia o pagamento salarial dos servidores do mês de julho nesta quarta-feira (15), apesar das sucessivas quedas de arrecadação, seja por diminuição dos repasses federais, seja decorrente dos efeitos da pandemia na economia. Um adiantamento de salário com depósito de mais de R$ 234 milhões.

O salário integral amanhece na conta aos servidores ativos, inativos e pensionistas que recebem até R$ 4 mil (valor bruto) e ainda 30% para quem recebe acima desse valor. A categoria da Segurança Pública também recebe o valor integral, independentemente da faixa salarial.

Os 70% restantes para quem recebe acima de R$ 4 mil, além do salário integral dos servidores lotados em órgãos com recursos próprios, serão depositados dia 31, ainda dentro do mês trabalhado. Dessa forma, o Governo quita mais uma folha e mantém o calendário de pagamento acordado no início do ano.

“Apesar de a economia dar sinais de lenta recuperação a queda de receita em junho ainda foi alta. Mas mantemos o compromisso com o pagamento salarial dos servidores e os investimentos em saúde para enfrentamento da pandemia”, destacou o secretário estadual de Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire.

Rússia conclui testes e quer distribuir vacina contra a covid-19 em agosto.

A Rússia está mais perto de se tornar o primeiro país a iniciar a distribuição de uma vacina contra o coronavírus para a população. O país anunciou hoje que concluiu parte dos testes clínicos necessários para comprovar a eficácia da imunização desenvolvida por iniciativa do governo russo. A expectativa é de que a distribuição comece já em agosto.

“A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura”, disse Yelena Smolyarchuk, chefe do centro de pesquisas clínicas da Universidade Sechenov, à agência de notícias estatal TASS.

A vacina aprovada foi desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa para Epidemiologia e Microbiologia Gamalei. Segundo o diretor da instituição, Alexander Gintsburg, a previsão é que que a vacina “entre em circulação civil” entre 12 e 24 de agosto.

Bolsonaro repetirá exame de Covid-19 nesta semana.

O presidente Jair Bolsonaro repetirá nesta semana o exame da Covid-19 para saber se continua ou não infectado pelo novo coronavírus. A informação foi confirmada à CNN pelo cardiologista Ricardo Camarinha, médico oficial da Presidência da República.

Camarinha evitou dar detalhes da data do exame. Disse apenas que não será realizado nesta segunda-feira (13), como previsto. Segundo o médico, Bolsonaro está “bem” e continuará em isolamento no Palácio da Alvorada até o resultado do novo teste.

O presidente realizou o primeiro teste para o novo coronavírus na noite da segunda-feira (6) da semana passada. O anúncio do resultado foi feito por ele próprio em entrevista à CNN no dia seguinte. Desde então, está isolado na residência oficial.

Setor de atividade física se prepara para reabertura no RN.

As academias de musculação e estabelecimentos de atividade física que não fazem uso de ar-condicionado vão poder reabrir suas portas nesta semana no Rio Grande do Norte, depois de mais de três meses de fechamento do setor. A prefeitura de Natal fará a liberação da área amanhã, terça-feira dia 14 de julho, enquanto o Governo do Rio Grande do Norte prevê a reabertura do setor no restante do estado no dia seguinte, a quarta-feira dia 15 de julho. O Conselho Regional de Educação Física da 16ª Região acompanha o retorno das atividades e reforça a importância do cumprimento dos protocolos apresentados pelas autoridades. O Conselho também criou uma cartilha de orientação que foi disponibilizada na internet, no site www.cref16.org.br, trazendo os principais pontos que devem ser seguidos para garantir a segurança nesse retorno.

“São orientações desde a chegada das pessoas, que deve acontecer sem nenhum tipo de toque, até questões como distanciamento de pessoas, distância entre equipamento, demarcação de locais para exercícios, circulação de ar natural, reforço na higienização, duração de treinos e controle do número de pessoas, afim de garantir segurança para os usuários e também para todos os profissionais do setor”, explica o diretor executivo do CREF16/RN, Adriano França.

Casos de abusos a trabalhadoras domésticas crescem durante pandemia.

“Ela disse assim: ‘Olha, você não vai poder voltar para casa, vai ter que ficar. Vai todo mundo entrar em quarentena’”. Era meio de março quando a trabalhadora doméstica D.A. ouviu da patroa esse pedido. Ela trabalhava havia alguns anos na casa de uma família no Recife e, com a pandemia da Covid-19, a empregadora propôs que ela ficasse um mês direto sem voltar para casa. Depois pediu outros 30 dias. E mais.

Foram 93 dias sem que D.A. visse os filhos e os netos ou saísse à rua. Só descia para pegar encomendas. Quando deixou o local de trabalho, em meados de junho, foi para acompanhar a filha grávida, a ponto de ter bebê.

“Aceitei porque achei que seria um mês. Mas a coisa foi piorando, e fui ficando. Tinha dia em que eu chorava. Uma vez por mês, deixava para meu genro na portaria um dinheiro para a despesa dos meus netos”, diz D.A., de 52 anos, doméstica desde os 10. As iniciais foram usadas para preservar sua identidade.

Ela conta que acordava cedo todos os dias, lavava, passava, cozinhava, e só parava quando a patroa, idosa, ia dormir. Essa rotina incluía os fins de semana. Diz que foi remunerada e não considerou fazer uma denúncia, mas que não repetiria a combinação:

“Tinha hora para acordar, mas não para dormir. Quando voltei para casa, pensei: “Vou dormir três dias seguidos!”. Não consegui. Estava emocionada de chegar em casa, abraçar minhas filhas. Me senti gente”.

Assim como casos de violência contra a mulher, abusos no trabalho doméstico cresceram na pandemia. As denúncias não são centralizadas em uma só instituição, mas especialistas no tema relatam o aumento.

“Junto aos contratos encerrados, denúncias sobre abusos também cresceram. Mas poucas são formalizadas. Muitas mulheres são coagidas a aceitar ficar ou perdem o emprego. A trabalhadora fica por necessidade, às vezes por afeição. É um limite tênue entre o abuso e o trabalho análogo à escravidão”, diz Luiza Batista, presidente da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas (Fenatrad).

Homem desaparece após passeio de lancha no açude Gargalheiras.

Um homem desapareceu após um passeio de lancha no açude Gargalheiras, em Acari, no Seridó potiguar, na tarde de ontem domingo (12). O Corpo de Bombeiros (CBM) foi acionado para auxiliar nas buscas, mas o homem, identificado como Jácio Mamede Galvão ainda não foi encontrado.

De acordo com informações preliminares, o homem pegou a lancha para passear no açude por volta das 16h deste domingo. Após sair para o passeio, Jácio não foi mais visto. Neste momento, o Corpo de Bombeiros se encaminha para o local da ocorrência.

Segundo moradores da região, uma sacola com a máscara que Jácio usava e uma quantia de R$ 50, foram encontradas. A Polícia Militar também foi acionada.

Afeganistão: Atentado talibã contra órgão do governo deixa 14 mortos e 63 feridos.

Um atentado realizado próximo a uma das sedes da principal agência de inteligência do Afeganistão, realizado nesta segunda-feira (13) e reivindicado pelos talibãs, deixou ao menos 14 mortos e 63 feridos. A ação aconteceu na cidade de Aybak, na província de Samangan, localizada no norte do país, nos arredores do escritório regional da Direção Nacional de Segurança (NDS).

“Uma explosão, relativamente forte, causada por um carro bomba, aconteceu na cidade nesta manhã”, relatou Sediq Azizi, porta-voz do governador de Samangan. O representante da administração provincial informou que todos os mortos eram pessoas que trabalhavam no órgão governamental. “Dois dos feridos estão em estado grave e foram enviados para a província vizinha de Balkh, para serem atendidos. O restante dos 61 pacientes, entre eles duas crianças e uma mulher, permanecem estáveis”, disse Azizi.

Uma fonte anônima, ligada às autoridades de segurança da província, relatou que o ataque começou com a detonação de um veículo próximo a entrada do local. Em seguida, diversos terroristas entraram em confronto com militares.

O principal porta-voz dos talibãs, Zabihullah Mujahid, se manifestou por meio de um comunicado, informando que o grupo era responsável pela ação. Segundo ele, o ato foi uma retaliação contra a Direção Nacional de Segurança, que seria responsável por vários “crimes recentes” no norte do Afeganistão. Mujahid explicou ainda que houve um forte confronto na área do atentado e que 70 agentes da agência de inteligência governamental foram mortos ou feridos.

Esse foi o primeiro ataque de grande magnitude realizado pelos talibãs em uma capital de província, após o acordado um cessar-fogo de três dias por causa do fim do Ramadã. Além disso, a ação ocorre em meio a tentativa do governo afegão e dos talibãs de dar início à novas negociações no Catar. Via EFE.

RN tem quase 1,4 mil mortes confirmadas por Covid-19, segundo dados da Sesap.

O Rio Grande do Norte já contabiliza quase 1,4 mil mortes por Covid-19. Segundo os dados da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), atualizados nesta segunda-feira (13), são 1.399 óbitos até o momento.

Ainda de acordo com a Sesap, são 39.598 casos confirmados de Covid-19, 52.274 casos suspeitos e 62.000 descartados.

A taxa de ocupação geral de leitos está em 81,6%. São 669 pessoas internadas, das quais, 340 estão em leitos críticos. Em todo o estado, há 50 leitos disponíveis.
Leitos

A taxa de ocupação dos leitos destinados a tratar a Covid-19 no Rio Grande do Norte, está distribuída da seguinda maneira:
  • Oeste: 94%
  • Grande Natal: 81%
  • Seridó: 73%
  • João Câmara: 71%
  • Pau dos Ferros: 50%

Preço dos alimentos sobe três vezes mais do que inflação em um ano.

A inflação oficial, medida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apresenta estabilidade em 2020. Porém, ao se considerar apenas a alimentação, o impacto dos preços foi relevante nos últimos 12 meses.

Os custos com alimentação subiram três vezes mais do que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no intervalo de um ano, segundo dados do próprio instituto.

Enquanto o índice acumulado em 12 meses atingiu 2,13%, o grupo alimentação marcou 7,61% no mesmo período. Ou seja, três vezes mais do que o índice oficial de inflação do país. As carnes, por exemplo, estão 19,6% mais caras em relação a junho do ano passado.

A diferença é muito grave porque esta inflação afeta diretamente a população de baixa renda, explica o economista do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da Fundação Getulio Vargas (FGV), André Braz.
Para o economista, o resultado mostra o quanto a alimentação pressiona o custo de vida dos brasileiros.

Braz ainda destaca que, para a família de baixa renda, “pouco importa se a gasolina ficou cara ou barata, se o preço da passagem aérea caiu, se as escolas vão dar um desconto porque são itens que não estão na cesta de consumo deles”.

Em junho, o grupo de alimentação e bebidas registrou alta nos seguintes alimentos:
• Arroz (2,74%);
• Carnes (1,19%);
• Feijão-carioca (4,96%);
• Feijão-mulatinho (7,1%)
• Feijão-preto (6,75%); e
• Leite longa vida (2,33%);
• Queijo (2,48%).

Pela 1ª vez, lista de espera por leitos críticos de Covid zera no RN; ocupação é de 77%.

A lista de espera por um leito crítico de Covid-19 zerou pela primeira vez no Rio Grande do Norte. A informação é da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap). De acordo com os dados, o estado também possui 77% de ocupação destes leitos, o que superou a meta prevista pelo Governo do Estado para a segunda fase da retomada da economia.

O Governo do RN estipulou o número de 80% de ocupação, para que pudesse dar prosseguimento na próxima fase da reabertura da economia no estado, marcada para esta quarta-feira (15). Segundo a Sesap, de 284 leitos críticos, 220 estão ocupados, 50 estão livres e 14 estão indisponíveis.

Apesar de ter chegado a zero pela primeira vez, ainda ontem domingo um paciente foi registrado no aguardo de regulação. A média de espera por um leito crítico caiu da marca de 30h, para pouco mais de 4h.

Associação dos Oficiais Militares ganha no Supremo ação que obriga o Governo pagar salário com correção, decisão gera precedente.

A ação patrocinada pela Associação dos Oficiais Militares, através de seu departamento jurídico, para um associado teve decisão favorável no Supremo Tribunal Federal e trará grande impacto para os agentes públicos do Rio Grande do Norte, já que gera precedente.

O oficial da PM garantiu, com a decisão do STF, o direito de ter o pagamento dos salários de dezembro e o décimo terceiro salário de 2018 pagos com correção monetária e juros.

O Recurso Extraordinário com Agravo teve como relator o presidente do STF, ministro Dias Toffoli, e foi assinado pela Procuradoria Geral do Estado, que tentava reverter a decisão do Tribunal de Justiça.
 
Na sua decisão o ministro Dias Toffoli argumenta que o serviço do Policial Militar foi efetivamente prestado e, portanto, o valor deve ser pago.

Além do mais, não teria sido provado, no processo, fato impeditivo para o pagamento, sendo a reanálise de provas nesse sentido, impossível de ser feita no âmbito STF.

O ministro sustentou a obrigação do Poder Público com o pagamento pleiteado e a devida atualização.
 
A partir dessa decisão, cria-se um precedente para os aguentes públicos do Rio Grande do Norte.

RN é o único Estado do Nordeste em queda em mortes por Covid-19 no país nas últimas 24 horas.

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da epidemia de Coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desse domingo (12).

O país registrou 659 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 72.151 óbitos. Com isso, a média móvel de novas mortes no Brasil na última semana foi de 1.036 por dia, uma variação de 4% em relação aos óbitos registrados em 14 dias. Em casos confirmados foram 25.364 registrados no último dia, com o total de 1.866.176 de brasileiros infectados pelo novo coronavírus.

No total, 9 estados mais o Distrito Federal apresentaram alta de mortes: PR, RS, SC, MG, DF, GO, MS, MT, TO e PB.

Brasil, em 12 de julho
Total de mortes: 72.151
Mortes em 24 horas: 659
Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 1.036 por dia (variação em 14 dias: +4%)
Total de casos confirmados: 1.866.176
Casos confirmados em 24 horas: 25.364
Média de novos casos nos últimos 7 dias: 37.370 por dia (variação em 14 dias: +1%)

Estados e DF
Veja como o número de novas mortes tem variado nas últimas duas semanas, considerando os dados até o consolidado de 12 de julho :

Subindo: PR, RS, SC, MG, DF, GO, MS, MT, TO e PB
Em estabilidade: ES, SP, AM, RO, RR, AL, BA, CE, MA, PE, PI e SE

Em queda: RJ, AC, AP, PA e RN
Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás

Sem mortes no RN.

Conforme dado dos Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS), do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) na manhã desta segunda-feira(13), nas últimas 24 horas, não foram registradas mortes pelo novo Coronavírus no Rio Grande do Norte.

300 médicos no RN defendem tratamento precoce da Covid-19.

Um abaixo-assinado divulgado por 300 médicos apoiam o tratamento precoce da Covid-19 definido em protocolo do Ministério da Saúde, CREMERN e da Prefeitura de Natal (RN).

domingo, julho 12, 2020

Instalação de distribuidora de medicamentos no RN deve gerar 500 empregos.

O Rio Grande do Norte receberá, nos próximos dias, os serviços da distribuidora Santa Cruz Medicamentos, que deve gerar 500 novos postos de trabalho para o estado (veja o link para acompanhamento de vagas no final da matéria). A Central de Distribuição será instalada em São José de Mipibu, na Grande Natal.

A escolha do RN faz parte das estratégias de ampliação das atividades da empresa no Nordeste e aconteceu graças à proximidade do grupo que administra a empresa (Grupo SC) com o Governo do Estado durante o Road Show, evento ocorreu em 2019 em São Paulo. Por lá, o Rio Grande do Norte apresentou medidas de incentivos fiscais e cases de sucesso locais para o país.

Segundo o secretário de desenvolvimento econômico do estado, Silvio Torquato, "a chegada da Santa Cruz ao RN foi fruto de um esforço do Governo em revisar e modernizar  todos os seus incentivos fiscais e colocar o estado em pé de igualdade com os demais estados do nordeste". Entre as medidas adotadas, está a elaboração de um novo Regime Especial que concede descontos no ICMS, por meio de crédito presumido, para a entrada de mercadorias em  centrais de distribuição inscritas no Cadastro de Contribuintes do Estado (CCE).

A Santa Cruz possui 15 unidades em todo o país e realizou investimentos da ordem de R$ 4 milhões na instalação da Central em São José de Mipibú, com 4 mil metros quadrados de área. As atividades estão previstas para iniciar na próxima semana. O envio de currículos pode ser feito a qualquer momento neste link.

Aliança: Partido de Bolsonaro ‘filia’ mortos e tem 3% de assinaturas necessárias.

A  Aliança pelo Brasil, o partido em formação que pretende abrigar o bolsonarismo, acumulou nos seus sete meses de existência uma coleção de metas não cumpridas e reveses na Justiça que acabaram sendo agravados pela pandemia do coronavírus.

Até a última quinta-feira (9), apenas 15.721 das 492 mil assinaturas de apoio exigidas pela legislação haviam sido validadas pela Justiça Eleitoral, 3,2% do mínimo necessário.
O número das assinaturas rejeitadas é 61% maior —25.384— e mostra uma extensa lista de motivos. Há, entre as razões apontadas, 44 nomes de pessoas que já morreram e outros 150 de eleitores que não existem, segundo a área de conferência técnica do Tribunal Superior Eleitoral.

A relação mostra que o principal motivo de rejeição —71% das fichas barradas ou 18.112— é relativo a eleitores já formalmente filiados a algum outro dos 32 partidos existentes, o que é proibido.

Além dos mortos e inexistentes, houve, entre outros motivos, 1.284 apoiamentos descartados porque estavam duplicados e 3.352 de cidadãos que declararam estado divergente do que consta no cadastramento eleitoral.

Outras 98.873 assinaturas de apoio à Aliança estão em fases de tramitação anterior ao momento da verificação de sua validade. Se a proporção de descarte se mantiver, o partido precisará recolher cerca de 800 mil, não só 492 mil.
A lei estabelece que a validação das assinaturas expira em dois anos, ou seja, a sigla tem que reunir o que precisa até o início de dezembro de 2021 caso não queira perder, progressivamente, o que já conseguiu.

O apoio de 492 mil eleitores é só o primeiro passo. Depois, passa-se à fase judicial, em que a sigla deverá ser impugnada (questionada) por adversários e quando deverá ser respeitado um trâmite igualmente demorado. A palavra final cabe ao plenário do TSE, composto por sete ministros.
A Aliança pelo Brasil foi lançado em novembro de 2019, com a presença de Jair Bolsonaro, após o rompimento do presidente com a sigla que o elegeu, o PSL —o oitavo partido em sua carreira política.

Caern suspende abastecimento em 8 bairros de Natal nesta segunda (13).

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) vai suspender o fornecimento nesta segunda-feira (13), em oito bairros da capital potiguar (confira a lista abaixo), por causa de serviços de manutenção preventiva na Estação de Tratamento de Água (ETA) Jiqui.

Segundo informações da Companhia, a suspensão ou redução do abastecimento de água vai ocorrer entre 8h e 17h. A previsão é de que o serviço seja normalizado em até 72 horas.

Confira os bairros que terão o abastecimento suspenso:
  • Bom Pastor;
  • Candelária;
  • Capim Macio;
  • Cidade da Esperança;
  • Cidade Nova;
  • Felipe Camarão;
  • Nossa Senhora de Nazaré;
  • Nova Descoberta
Além dos oito bairros, a interrupção do serviço afetará o conjunto Jardim América, na Zona Oeste da capital.

Governo quer deixar MP de flexibilização de regras trabalhistas perder validade.

O governo deve trabalhar para que a Medida Provisória 927, que flexibilizou regras trabalhistas durante a pandemia do novo coronavírus, deixe de ter validade antes de ser aprovada pelo Congresso.

A mudança de estratégia vem depois das alterações feitas pelo senador Irajá (PSD-TO), relator do texto na Casa, que quer prorrogar a suspensão da cobrança de tributos das empresas até o fim da calamidade pública, em dezembro.

A área econômica é contra a extensão, com o argumento do desfalque que isso provocaria aos cofres públicos, já sob pressão diante da necessidade de aumento de gastos e do adiamento de cobranças concedido no segundo trimestre deste ano. O prazo para a votação se encerra em 19 de julho, e o governo não pretende se esforçar para manter o texto de pé.

Para não prejudicar empresas que contavam com medidas de flexibilização das relações trabalhistas já previstas até o fim do ano, como antecipação de férias, adiamento do repasse do terço de férias e regime especial de compensação por meio de banco de horas, a intenção na área econômica é trabalhar num projeto de lei que incorpore esses itens. Outra possibilidade é incluir esses artigos em alguma outra medida provisória em tramitação.

Segundo um integrante da equipe econômica, o governo não descarta prorrogar o período de adiamento no recolhimento de tributos, mas de forma cautelosa e em períodos menores, “para ir avaliando a necessidade e a reação da economia”.

Lives de hoje: Diogo Nogueira, Margareth Menezes, Teresa Cristina e mais shows para ver em casa.

Diogo Nogueira, Margareth Menezes e Teresa Cristina fazem lives neste domingo (12).

Confira a programação, horários e links:
Diogo Nogueira – 12h – YouTube
Salgadinho – 16h – YouTube
Enzo Rabelo – 17h – YouTube
Margareth Menezes (Em Casa com Sesc) – 19h – YouTube
Teresa Cristina – 22h – Instagram

RN registra queda de 25% no número óbitos por Covid-19.

O Rio Grande do Norte apresentou uma queda no índice de mortalidade por Covid-19 de 25%. Os números levam em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás.

Brasil registra 1.100.873 pacientes curados da Covid-19.

Neste sábado (11), o Brasil registrou mais 22.110 pessoas recuperadas da Covid-19 e totalizou 1.100.873 curados do coronavírus.

O número de pessoas curadas é superior à quantidade de casos ativos (667.508), que são pacientes que estão em acompanhamento médico.

A quantidade de pessoas curadas já representa mais da metade do total de casos acumulados (59,8%).

Gilmar: PGR ir ao STF para acessar dados da Lava Jato é ‘rabo abanando cachorro’.

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, afirmou ontem sábado (11) que a instituição do Ministério Público passa por um “grave problema de governança” e que o fato de o procurador-geral da República, Augusto Aras, ter que ir ao STF pedir acesso a documentos sigilosos da operação Lava Jato em Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro “é caricatural, é no Brasil o rabo abanando o cachorro”. Defendeu que “o direito ao sigilo e ao acesso é da instituição, e não de algumas pessoas” e que Aras poderia ter acessado os dados por despacho.

“[Os procuradores da Lava Jato] confundem a autonomia do cargo com o conceito que beira à soberania. Veja, o procurador-geral precisou de uma ação no STF para ter acesso às informações que esses garotos dourados acumularam em Curitiba. É um caso de estudo. A instituição obviamente ficou doente e precisa de remédio. Estamos vendo só o que a vista alcança. Isso deve acontecer no interior. Houve um lavajatismo desnudado”, disse Mendes durante uma videoconferência no canal do Grupo Prerrogativas no Youtube.

Mendes questionou o cuidado com o sigilo da Lava Jato. “Essas pessoas, que se revelaram vazadores eméritos de sigilos, agora estão zelando pelo sigilo, preocupadas que o procurador-geral venha a vazar e pode chantagear políticos. Elas que vêm fazendo isso! Chantagistas eméritos usando agora o argumento naquela linha do ‘vou gritar pega ladrão’. Essa gente está temendo qualquer correição porque ela sabe o que fez no sábado à noite.”

O ministro acusou os procuradores de agirem em articulação para vazar uma portaria do MP de São Paulo que abriu inquérito para investigar denúncia de suspeita de nepotismo cruzado no Tribunal de Contas do Município de São Paulo envolvendo uma irmã de Dias Toffoli, um dia depois de o presidente do Supremo determinar o compartilhamento de dados da força-tarefa da Lava Jato com a PGR.

“É o uso da instituição para fins retaliatórios. Se fazem isso com o presidente do STF, imagina o que não fazem com pessoas comuns? Ameaçam, chantageiam. Por isso combateram tanto a lei de abuso de autoridade”, declarou Mendes.

Ele defendeu ainda uma reforma do Conselho Nacional do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que chamou de “primo pobre” do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) “na funcionalidade, na atuação, no corporativismo”. “Talvez tenhamos que explicitar no texto constitucional o que significa a disciplina no Ministério Público.”

E continuou: “É importante que olhemos a questão institucional [do Ministério Público]. Isso se tornou um grave problema para a democracia brasileira. Se não discutirmos agora, vamos discutir no futuro a reinstitucionalização do MP. Temos um grave problema institucional”.