quarta-feira, agosto 23, 2017

Governo inaugura Café Cidadão no município de Touros.

O programa Café Cidadão teve a 12ª unidade inaugurada nesta quarta-feira (23) pelo governador Robinson Faria e primeira dama e secretária do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), Julianne Faria, no município de Touros, a 100 quilômetros de Natal.

Robinson Faria afirmou que o programa Café Cidadão beneficia principalmente a população que mais precisa. “De segunda a sexta-feira serão servidos  300 cafés aqui em Touros, uma alimentação nutritiva e de qualidade para o nosso povo.   O nosso governo investe para promover a cidadania e melhoria da qualidade de vida das mães e pais de família do Rio Grande do Norte”, afirmou o Governador.

A unidade de Touros funcionará no horário das 6h às 8h. Pela refeição matinal o cidadão pagará apenas R$ 0,50. A secretária Julianne Faria, cuja pasta é responsável pela implementação e gerenciamento do Café Cidadão, explica que mais 10 unidades serão instaladas em outros nove municípios. “O Rio Grande do Norte é o único estado do país que conseguiu utilizar os recursos do Fundo de Combate a Fome e à Desnutrição para expandir este programa, o que mostra nosso comprometimento com a população mais carente”, destacou Julianne Faria. Ela explicou que no atual governo o programa foi reestruturado e ampliado, inclusive com a preocupação de que as refeições passaram a ser definidas e ter o seu preparo acompanhado por nutricionistas.

O prefeito de Touros, Francisco Pinheiro de Andrade, o “Assis do hospital” disse ser “muito gratificante o município receber do Governo do Estado o Café Cidadão que beneficia a população mais carente, que tem renda instável e sofre com a dificuldade para conseguir emprego”.

Auxiliar de serviços gerais, Luzineide Medeiros da Silva, 49 anos, três filhos e três netos, disse que o Café Cidadão vai beneficiar os moradores de Touros e até de municípios vizinhos que se dirigem àquela cidade em busca de serviços, como atendimento de saúde. “Estas pessoas são carentes, vêm só com o dinheiro do transporte e agora terão onde se alimentar por um preço baixo. Vai melhorar para todos nós”, afirmou Luzineide.

Além da unidade de Touros a atual gestão já instalou o Café Cidadão nas cidades de Baraúna, Monte Alegre, Felipe Camarão, Alexandria e Goianinha. No fim de setembro próximo será instalado o Café Cidadão no loteamento Aliança, bairro Nossa Senhora da Apresentação, zona Norte de Natal. Outras cinco unidades serão abertas até o fim do ano, beneficiando a população de Patu, Lajes, Tangará, Santa dos Matos e Alto do Rodrigues.

ONU condena ataques a civis e infraestrutura em Raqqa, na Síria.

Representantes da área humanitária das Nações Unidas para a Síria expressaram esta semana uma profunda preocupação com relatos sobre as mortes recentes de muitos civis em ataques, inclusive aéreos, na cidade síria de Raqqa, onde forças de coalizão estão combatendo terroristas do grupo Estado Islâmico (EI). A informação é da ONU News.

Em comunicado conjunto, o coordenador humanitário para a Síria, Ali Al-Za’tari, e o coordenador humanitário regional em exercício, Ramesh Rajasingham, lembraram que a ONU condena os ataques direcionados a civis e à infraestrutura da cidade. Eles lembraram ainda a todos os envolvidos no conflito de sua obrigação de proteger civis, de acordo com as leis internacionais.

Segundo a nota, nos últimos meses, ataques aéreos e bombardeios regulares na cidade teriam atingido dezenas de civis, incluindo mulheres e crianças. Cerca de 75 mil pessoas já fugiram de Raqqa e entre 18 mil e 25 mil civis continuam presos na cidade e em risco de serem mortos por atiradores ou minas do EI se tentarem fugir. Eles arriscam-se a ser usados como escudos humanos ou mortos em ataques aéreos se ficarem na área.

Temer vai privatizar Eletrobras, Casa da Moeda e 14 aeroportos.

Com a meta de melhorar o caixa da União e estimular a economia, o governo decidiu colocar à disposição da iniciativa privada a administração de 14 aeroportos, 11 lotes de linhas de transmissão, 15 terminais portuários, além de parte da Eletrobras, como foi anunciado no início da semana. Com a medida, o governo espera arrecadar, a partir deste ano, cerca de R$ 44 bilhões.

Em reunião nesta quarta-feira (23) no Palácio do Planalto, o Conselho do Programa de Parcerias de Investimento (PPI) decidiu incluir no programa de desestatização rodovias, a Casa da Moeda, a Lotex e a Companhia Docas do Espírito. Ao todo, são 57 projetos de venda de empresas e parcerias público privada.

Aeroportos
Os aeroportos a serem licitados foram divididos em quatro blocos. Um deles inclui apenas o aeroporto de Congonhas, segundo maior do país com movimento de 21 milhões de passageiros por ano. Um segundo abrange aeroportos do Nordeste (Maceió, Aracaju, João Pessoa, Campina Grande, Juazeiro do Norte e Recife). Outro bloco será formado por terminais localizado no estado de Mato Grosso (Cuiabá, Sinop, Ala Floresta, Barra do Garça e Rondonópolis). Um quarto bloco vai abranger os aeroporto de Vitória e de Macaé.

Ainda no setor aeroportuário será realizada a alienação da participação acionária da Infraero (49%) nos aeroportos de Guarulhos, Confins, Brasília, e Galeão, que já foram licitados.

Linhas de transmissão
Os lotes de linhas de transmissão, que serão licitados em dezembro, estão distribuídos em dez estados: Bahia, Ceará, Pará, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Minas, Gerais e Tocantins.

“O modelo de remuneração e as taxas de desconto fazem com que os investidores enxerguem as linhas de transmissão como investimento de renda fixa”, diz trecho do documento divulgado pelo Planalto.

Com a repasse dos 15 terminais portuários à iniciativa privada, o governo estima arrecadar R$ 2 bilhões.

Vulnerabilidade social no Brasil aumenta entre 2014 e 2015.

Apesar de mantida a tendência de redução da vulnerabilidade social no Brasil, dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) apontam uma desaceleração nessa queda e um aumento da vulnerabilidade social no país, no último ano analisado.

Os dados são do Atlas da Vulnerabilidade Social, divulgados hoje (23), em Brasília. Segundo o Ipea, de 2011 a 2015, o Brasil manteve a tendência de redução da vulnerabilidade social, mas em velocidade menor à observada no período entre 2000 e 2010.

Ao analisar os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), entre 2011 e 2015, a taxa média anual de redução foi de 1,7%, enquanto que, entre 2000 e 2010, com dados do Censo Demográfico do IBGE, a taxa era de 2,7% ao ano.

Além disso, a partir de 2014, o Índice de Vulnerabilidade Social (IVS) não apresentou redução de valores, mas, sim, um aumento de 2%, saindo de 0,243 em 2014 para 0,248 em 2015. “Este pequeno aumento de 0,005 pode significar um ponto de inflexão na curva da redução da vulnerabilidade social”, diz o estudo.

Segundo o técnico de planejamento e pesquisa do Ipea e coordenador do atlas, Marco Aurélio Costa, é o primeiro ano em que há um aumento da vulnerabilidade social no país.

Quanto maior o índice, que varia de 0 a 1, mais vulnerável a população está. A vulnerabilidade social à que ele se refere indica a ausência ou insuficiência de recursos ou estruturas (como fluxo de renda, condições adequadas de moradia e acesso a serviços de educação) que deveriam estar à disposição de todo cidadão, por força da ação do Estado. Ele é composto por 16 indicadores organizados em três dimensões: renda e trabalho, capital humano e infraestrutura urbana.

Professores brasileiros são os que mais sofrem agressões de alunos no mundo.

As fotos que a professora Marcia Friggi, 51 anos — professora de português há 10 — postou, em uma rede social, refletem um a situação que não é isolada: o Brasil é líder em violência contra docentes, de acordo com a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). As imagens mostram o rosto dela desfigurado, com sangue, supostamente resultado da agressão de um aluno de 15 anos do Centro de Educação de Jovens e Adultos (Ceja) de Indaial (SC), na segunda-feira.

Segundo pesquisa da OCDE, 12,5% dos professores brasileiros disseram sofrer violência verbal ou intimidação de alunos, pelo menos uma vez por semana. O Brasil ocupa a primeira posição no ranking. Em segundo lugar aparece a Estônia com 11%, seguida pela Austrália com 9,7%. A pesquisa foi realizada em 34 países, com a participação de 100 mil professores e diretores dos ensinos fundamental e médio.
 
Outra pesquisa mostra que mais de 22,6 mil professores foram ameaçados por estudantes e mais de 4,7 mil sofreram atentados à vida nas escolas. Os dados são do questionário da Prova Brasil 2015, aplicado a diretores, alunos e docentes do 5º e do 9º anos do ensino fundamental de todo o país. A violência também ocorre entre estudantes: 71% dos mestres presenciaram agressões verbais ou físicas entre eles. As informações estão na plataforma Qedu.

Professores podem entrar em greve nesta quarta em Natal/RN.

Professores das escolas municipais de Natal realizam nesta quarta-feira, 23, assembleia para avaliar indicativo de greve da categoria. A assembleia acontece a partir das 8h, no Clube ASSEN, em Tirol.
Também serão pautadas as ações sindicais desenvolvidas com o intuito de preparar o hipotético movimento grevista da educação da capital.

Os trabalhadores em educação da rede estadual também vão se reunir em assembleia para avaliar o indicativo de greve do segmento. A atividade também será nesta quarta-feira (23/08).

A assembleia está marcada para às 14h, na escola estadual Winston Churchill, Centro de Natal. Ainda serão pautadas as ações sindicais desenvolvidas com o intuito de preparar o movimento da rede estadual.

Professores de Extremoz protestam contra implantação de ponto eletrônico.

Professores do município de Extremoz, na Região Metropolitana de Natal fizeram um protesto, na manhã desta quarta-feira contra a instalação do ponto eletrônico para a categoria.

De acordo com os professores, o prefeito Joaz Oliveira pretende instalar o ponto não só na educação, mas em todas as áreas do município.

Representantes do Sindicato aproveitaram a apresentação do Plano Plurianual Participativo da Câmara dos vereadores do município para protestar.

Os professores não querem que o ponto eletrônico seja implementado porque, segundo eles, o município tem outras prioridades na pasta.

Comissão aprova parecer de PEC que prevê fim das coligações eleitorais.

A comissão especial da Câmara que analisa Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 282/2016, que trata do fim das coligações partidárias para as eleições, aprovou hoje (23), em votação simbólica, o parecer elaborado pela relatora deputada Sheridan (PSDB-RR). Os deputados ainda vão analisar os destaques ou sugestões de alteração no texto que foram apresentados.

A proposta aprovada prevê que os partidos possam formar uma federação entre as legendas que tenham o mesmo programa ideológico no lugar das coligações partidárias que vigoram atualmente nas eleições proporcionais. A atuação da federação deve seguir uma identidade política única e, ao mesmo tempo, respeitar o estatuto de cada partido. Uma das principais diferenças é que as federações unem os partidos pelo tempo de mandato, ao contrário das coligações que costumam ser desfeitas logo após as eleições.

A federação será criada por decisão das convenções nacionais dos partidos que a compõem e poderá ser reproduzida no Senado, na Câmara, nas assembleias legislativas e na Câmara Legislativa do Distrito Federal.

Pelo substitutivo também não há obrigatoriedade de vinculação entre as candidaturas em âmbito nacional, estadual, distrital ou municipal. As coligações permanecem autorizadas nas eleições majoritárias.

A proposta torna constitucional ainda que aos detentores de cargos dos poderes Executivo e Legislativo, incluindo os vices e suplentes, possam perder o mandato em caso de desfiliação do partido pelo qual foram eleitos. A proposta admite, no entanto, que o mandato seja mantido caso a desfiliação partidária ocorra por justa causa, em situações de discriminação política, pessoal e de mudança ou desvio do programa partidário.

Jovem xinga Exército no Twitter e é respondido.

O perfil oficial do Exército Brasileiro no Twitter respondeu a uma postagem que ironizava a corporação. “Amanhã vou ver se aquele site de m… do exército tá funcionando, quero me alistar logo”, escreveu Marcos Moreira.

Em resposta, o Exércio tuitou “Então @MarcosMuller__ o site do alistamento está funcionando e apesar do xingamento estamos aguardando sua inscrição”.

Embora comedido, o puxão de orelhas em Moreira rendeu piadas e mais broncas a ele na rede social. Um tuiteiro escreveu “acho que alguém já anotou o nome do amiguinho hein….” e também foi respondido pelo Exército, que foi sarcástico: “que é isso… nem pensamos nisso”.

Ramiro Lemos observou que “os jovens de hoje estão mesmo sem noção, a vinte anos quando alistei, empolgação e respeito eram os sentimentos nessa hora”, enquanto Blenda prevê dificuldades a Marcos Moreira no quartel: “Já vai capinar uns lotes só por causa desse tweet”.

Com a repercussão da postagem, Moreira abandonou sua conta no microblog, não sem antes trocar sua foto de perfil por uma do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), um dos maiores defensores do Exército no Congresso.

Preço da energia pode cair com privatização da Eletrobras.

O governo descarta incluir a Eletronuclear e a Usina Hidrelétrica de Itaipu no processo de desestatização da Eletrobras. No caso da empresa responsável pelas usinas nucleares brasileiras, o motivo é uma questão constitucional e, no caso de Itaipu, por se tratar de usina binacional dependendo de acertos com o Paraguai.

A informação é do ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho, em entrevista coletiva hoje (22), no Ministério de Minas e Energia.

“Está escrito na Constituição que quem tem de ser o controlador [das usinas nucleares] é a União. A ideia não é ferir a Constituição. Já Itaipu será analisada em função dos acordos bilaterais com o Paraguai”, explicou o ministro.

Tarifa de energia mais barata
A expectativa é de que, controlada pela iniciativa privada, a Eletrobras favoreça, a médio prazo, uma tarifa de energia mais barata. “Com a eficiência e redução do custo, nossa estimativa é de que no médio prazo tenhamos uma conta de energia mais barata”, afirmou.

A decisão de desestatizar a empresa será submetida amanhã (23) ao Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI).
A União tem 51% das ações ordinárias, que são aquelas com direito a voto.

O secretário executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, disse que ainda não foi definido o percentual de ações que será repassado à iniciativa privada.

“Isso não será definido, por enquanto, porque temos de seguir os ritos de desestatização previsto na lei”, disse Guardia. “E não há previsão de valores, porque a modelagem desse processo ainda não foi definida. Isso será feito posteriormente”, acrescentou, ao enfatizar que o impacto dessa desestatização não gerará receita primária, não tendo portanto relação com a questão do cumprimento da meta fiscal.

Bandidos rendem vigilante e fazem arrastão em shopping na Zona Sul de Natal/RN.

Na madrugada desta quarta-feira, 23, bandidos renderam o vigilante do Dunas Shopping e realizaram arrastão em lojas e violaram um cofre com maçarico, fugindo em seguida com dinheiro e produtos.
 
Segundo a polícia, o caso ocorreu por volta das 1h30, bandidos chegaram armados no shopping localizado na avenida Roberto Freire, renderam o vigilante que foi amarrado e arrombaram lojas do estabelecimento. Utilizando um maçarico também foi arrombado o cofre de um correspondente bancário. Após a ação, os bandidos fugiram e ainda não foram localizados.

Inflação oficial é de 0,35% na prévia de agosto.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15 (IPCA-15), que calcula a prévia da inflação oficial, registrou 0,35% em agosto. A taxa é superior à prévia de julho, que havia acusado deflação (queda de preços) de 0,18%, mas inferior ao percentual de agosto de 2016 (0,45%).

Segundo dados divulgados hoje (23), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA-15 acumula taxas de 1,79% no ano e de 2,68% em 12 meses. Essa é a menor taxa acumulada em 12 meses desde março de 1999 (2,64%).
 
A inflação de 0,35% da prévia de agosto foi influenciada, principalmente, pelos aumentos dos custos dos transportes (1,35%). A alta de 5,96% dos combustíveis representou o maior impacto individual na inflação do mês. Apenas a gasolina subiu 6,43%. Já o etanol ficou 5,36% mais caro.

Sub-19 do ABC mete 7 a 0 pelo Estadual da categoria.

O ABC conquistou mais um grande resultado no Campeonato Estadual Sub-19. Jogando nessa terça-feira, 22, no estádio Frasqueirão, pela 5ª rodada da competição, o time enfrentou o Baraúnas e goleou pelo placar de 7 a 0.

A vitória foi construída com gols de Ewerton, três vezes, Kaká, duas, Pedro Baiano e Pedro Potiguar. Com o resultado, o Clube do Povo chegou aos 10 pontos conquistados e assumiu a liderança do campeonato. Lembrando que a rodada será completada nesta quarta-feira (23), com mais três jogos, e o Alvinegro pode ser ultrapassado na classificação.

O próximo compromisso do Alvinegro está marcado para o sábado (26), quando irá encarar o Globo, às 15h, no estádio Barrettão, na cidade de Ceará- Mirim

Entidade realiza manifestação pela manutenção dos boletos sem registro.

O Conselho Federal de Administração (CFA) realizou hoje (23) em Brasília uma manifestação contra o fim dos boletos sem registros. Segundo o CFA, a ação visa chamar a atenção da população para o impacto das cobranças indevidas de boletos por parte dos bancos.

O ato estava previsto para acontecer na Esplanada dos Ministérios, mas foi proibido pela Polícia Militar (PM), que impediu que um boneco de uma raposa fosse inflado – representando os banqueiros, que estariam enriquecendo às custas da população, com a cobrança de mais taxas. A manifestação se concentrou na frente da sede do CFA, no Setor de Autarquias Sul.

De acordo com cronograma divulgado pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o boleto sem registro deixará de existir até o final do ano. No novo formato, os bancos não cobrarão apenas pela emissão do boleto, mas também outras taxas, como a alteração ou o cancelamento dos boletos gerados.

De acordo com o CFA, a medida causará grande impacto econômico. “Se já não bastasse a alta carga tributária, os empresários, principalmente os do segmento das micro e pequenas empresas, terão que se adaptar e migrar para uma carteira de cobrança muito mais onerosa”, disse o presidente do CFA, Wagner Siqueira.

Segundo a Febraban, a Nova Plataforma de Cobrança (NPC) – sistema para os boletos de pagamento, em implantação – foi desenvolvida em parceria com a rede bancária e visa a comodidade e segurança para os consumidores.

Em nota, a Febraban esclareceu o motivo da medida. “O sistema anterior de cobrança funcionava há mais de 20 anos e precisava ser atualizado com novos processos e tecnologias para combater as fraudes. É uma determinação do Banco Central para todos os boletos, registrados ou não, a exigência de que contenham dados como CPF [Cadastro de Pessoa Física] ou CNPJ [Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica] do emissor, data de vencimento, valor, além do nome e número do CPF ou CNPJ do pagador. Isso impede a prática anterior de emissão de boletos sem valor definido, ou sem informações sobre o pagador”.

Ainda de acordo com a Febraban, os boletos não registrados não estão proibidos, mas sim restritos aos bancos que aceitem seu pagamento, mediante negociação com o emissor. A política de cobrança dos serviços ficará a critério de cada instituição financeira.

Segundo pesquisas feitas pela revista E-Commerce Brasil, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), 75% dos consumidores preferem efetuar pagamentos via boletos. A Febraban calcula que cerca de 3,6 bilhões de boletos sejam emitidos anualmente no Brasil.

A Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) estima que os custos com boletos podem chegar a R$ 5, mas podem variar até R$20, dependendo do banco. A entidade alega que esse novo modelo trará prejuízos para o setor de compras via internet, tendo em vista que metade dos títulos gerados para pagamentos não são efetuados, consequentemente não geram receita para os vendedores.

4 hábitos comuns que prejudicam a eficácia dos remédios.

Antibióticos devem ser tomados na hora exata, por risco da sua eficácia ser diminuída e o tratamento ser todo colocado por água abaixo, e pior – as bactérias podem se tornar mais resistentes. A maneira como o medicamento é tomado influencia diretamente na eficácia tanto do remédio quanto do tratamento. Por esta razão, a recomendação da ingestão dos remédios deve ser seguida à risca. Confira quatro dicas para tomar o medicamento corretamente:

1. Não esmague os comprimidos antes de tomar. Segundo o site, o CRF-SP (Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo) afirma que dividir, triturar ou dissolver medicamentos pode comprometer a eficácia, pois o medicamento possui uma espécie de ‘capa protetora’ que protege o princípio ativo do ambiente ácido do estômago. Caso o remédio seja absorvido no estômago, e não no intestino, o remédio perde seu efeito, ou o contrário – o medicamento pode causar intoxicação.

2. Não beba remédio com sucos, leite ou chá. O remédio deve ser ingerido com água, apenas, pois os componentes de sucos, como as vitaminas, o cálcio, o ferro e os minerais, podem interferir na eficácia do remédio. A combinação de antibióticos e leite, principalmente do grupo tetraciclina (que tratam acne, pneumonia, otites, sinusites etc), é a que mais deve ser evitada, segundo o site.

3. Não misture. Durante um tratamento, tomar vários remédios, principalmente ao mesmo tempo, pode causar problemas. Isso porque, em alguns casos, um remédio compromete a eficácia do outro. A mistura também pode intoxicar seu corpo, por isso, nunca faça misturas, inclusive de medicamentos para a pele.

4. Não tome remédios vencidos. Na maior parte dos casos, o remédio simplesmente não vai fazer efeito. Mas em casos mais graves, o remédio pode causar intoxicações. A data de vencimento não está ali à toa: ela é calculada após inúmeros testes de eficácia.

Estado terá que custear exames de DNA para a população.

Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN) conquistou na justiça o direito ao exame de DNA gratuito para a população de Ceará-Mirim que não possua condições de arcar com os custos do exame nas ações de investigação de paternidade. A decisão, em tutela de urgência, determina que Estado forneça os exames em até 60 dias, sob pena de pagar multa diária no valor de R$ 5.000,00.

A Ação Civil Pública foi ajuizada diante da existência de processos de investigação de paternidade em que as partes não possuíam recursos para o pagamento do exame de DNA. “É orientação jurisprudencial, inclusive, no Supremo Tribunal Federal de que cabe ao Estado o custeio do exame pericial de DNA para os beneficiários da assistência jurídica gratuita”, registra o magistrado em sua decisão.

“A decisão é fundamental para evitar os prejuízos que são causados à população hipossuficiente pelo atraso nos processos em que não há possibilidade das partes custearem o exame de DNA, garantindo às crianças o efetivo exercício do direito ao conhecimento de sua ascendência genética e, ainda, prestigiando a política de paternidade responsável”, registra o defensor público Eduardo Brasil, responsável pelo caso. A gratuidade será aplicada para todos os processos de investigação de paternidade da cidade, sejam eles em trâmite ou futuros, em que as partes sejam beneficiárias da gratuidade de justiça.

Governo lança edital para reforma da Central do Cidadão de Parnamirim/RN.

Reivindicar melhorias na qualidade dos serviços públicos oferecidos à população tem sido uma preocupação constante do deputado estadual Carlos Augusto. Entre as reivindicações, junto ao Governo do Estado, está a reforma da Central do Cidadão de Parnamirim.

Atendendo ao requerimento do deputado, o Governo do estado divulgou edital de licitação para contratação de empresa com o objetivo de reformar a Central do Cidadão do município.

Os investimentos já foram garantidos, através de empréstimo ao Banco Mundial. Quando concluída, a obra vai resultar em mais conforto e agilidade nos serviços aos usuários da Central do Cidadão.

“Quando concluída, a nova Central do Cidadão de Parnamirim vai oferecer um serviço de qualidade à população parnamirinense”, disse Carlos Augusto.

Governo vai liberar saque de contas do PIS/Pasep para idosos.

O governo vai liberar o saque de contas do PIS/Pasep para homens a partir de 65 anos e mulheres a partir de 62 anos. O pagamento será iniciado em outubro. A medida provisória que prevê a liberação dos saques foi assinada hoje (23) pelo presidente Michel Temer durante cerimônia no Palácio do Planalto.

Pelos cálculos do governo, a liberação deve injetar cerca de R$ 16 bilhões na economia, o que representa 0,25% do Produto Interno Bruto do País (PIB) do país. A medida vai atingir 8 milhões de pessoas, sendo que a maioria tem saldo na conta do PIS/Pasep em torno de R$ 750.

O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, explicou que o crédito será feito de forma automática para quem tem conta no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. Segundo ele, o calendário de saques será anunciado em breve e haverá ampla divulgação da medida para a população.

“Esses recursos virão em boa hora para ajudar esse início de retomada da economia colocando dinheiro para circular, principalmente para pessoas que realmente necessitam”, disse Dyogo Oliveira.

Atualmente, os trabalhadores têm direito ao abono salarial e rendimentos do PIS/Pasep desde que cadastrados como participantes dos fundos até 4 de outubro de 1988 e não tenham sacado o saldo. A Caixa, responsável pelo PIS, e o Banco do Brasil, administrador do Pasep, fazem esse pagamento de acordo com um calendário anual.

O saque do saldo principal é permitido atualmente nas seguintes situações: aposentadoria; 70 anos completos; invalidez; reforma militar ou transferência para a reserva remunerada; câncer de titular ou de dependentes; portador de HIV; amparo social ao idoso, concedido pela Previdência; amparo assistencial a pessoas com deficiência da Previdência; morte e em casos de doenças graves.

Natal recebe nesta quarta 1.500 atletas para os XV Jogos da Amizade.

Cerca de 1.500 pessoas participarão da 15ª Edição dos Jogos da Amizade, que começará nesta quarta-feira (24). A competição é uma das principais competições entre atletas escolares do Nordeste.

E a escola CEI Romualdo Galvão será a participante potiguar e anfitriã dos Jogos que reunirá ainda os colégios parceiros: Motiva (unidades João Pessoa e Campina Grande-PB); Master e Antares (Fortaleza-CE) e Santa Maria (Recife-PE).

Os atletas estarão distribuídos em nove modalidades esportivas: futsal, futebol society, handebol, vôlei, basquete, natação, xadrez, karatê e judô nas categorias mirim, infantil e juvenil. As competições serão disputadas nas dependências do CEI Romualdo, Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) e no Serviço Social da Indústria (SESI).

A diretora pedagógica do CEI Romualdo, Cristine Rosado, destacou a importância de sediar os Jogos e os seus objetivos esportivo e educacional.

“É uma alegria sediarmos os Jogos da Amizade, cujos princípios têm relações diretas com nossas premissas formativas, baseados na cooperação e no respeito ao outro. A vitória neste evento é medida não somente por resultados e, sim, pelas aprendizagens possibilitadas pelas inúmeras vivências”, comentou a diretora.

A abertura oficial acontecerá amanhã (24), no ginásio do SESI às 18h, com o tradicional desfile dos atletas, apresentações culturais, presença de autoridades e diretores das escolas, técnicos e atletas. O encerramento contará com a apresentação da SESI Big Band.

Tufão causa 3 mortes em Macau e numerosas inundações em Hong Kong.

A passagem do tufão Hato hoje (23) por Macau, no sul da China, causou a morte de três pessoas e outras duas estão desaparecidas, enquanto Hong Kong continua paralisada pelas fortes chuvas e inundações.

O observatório meteorológico de Hong Kong elevou o alerta para o nível 10, um indicador que não era registrado desde julho de 2012 e que revela que o Hato poderá ser uma das piores tempestades dos últimos anos.

Além disso, em Macau pelo menos três pessoas morreram por acidentes derivados das complicações meteorológicas e outras duas pessoas estão desaparecidas, segundo o jornal Macau Daily.

A ex-colônia portuguesa sofreu uma forte interrupção do fornecimento de energia elétrica, e a distribuição de água pode ser cortada nas próximas horas.

Os fortes ventos e chuvas causaram inundações em muitas ruas, entre elas uma das principais avenidas da cidade, a Avenida da Amizade, onde ficam vários cassinos.

Já em Hong Kong, ainda não há um balanço dos danos, mas o observatório meteorológico da cidade alertou esta manhã para um forte aumento do nível do mar, podendo causar inundações.

Centenas de voos com saída e chegada em Hong Kong foram cancelados e também estão suspensos os serviços de ônibus e balsas para as ilhas periféricas. A Secretaria de Educação anunciou que as aulas estão suspensas nesta quarta-feira, enquanto a Bolsa de Hong Kong permaneceu fechada.

As autoridades meteorológicas da China, por sua vez, confirmaram que o tufão atingiu a cidade de Zhuhai (Cantão).

Desde ontem, a região está em alerta laranja, o segundo mais alto, e milhares de pessoas foram evacuadas de várias províncias do sul do país.

As viagens de trens de alta velocidade entre Shenzhen e as províncias orientais de Fujian e Jiangxi foram canceladas, assim como os serviços na linha de Guangzhou-Nanning.

É esperado que o tufão traga fortes chuvas às províncias de Cantão e Fujian e ondas enormes, de até dez metros, no Mar da China Meridional, que podem causar inundações e danos severos na região.

Embarcação naufraga com cerca de 70 pessoas a bordo em Porto de Moz, no Pará.

Uma embarcação naufragou na madrugada desta quarta-feira (23) em uma área denominada de Ponte Grande do Xingu, entre as cidades de Porto de Moz e Senador José Porfírio, no sudoeste do Pará. Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), já foram encontrados sete corpos de vítimas do naufrágio. Entre as vítimas estão um adolescente e uma criança de um ano.

O navio "Comandante Ribeiro" saiu do município de Santarém, oeste do estado, com cerca de 70 pessoas a bordo. A embarcação tinha escala nos municípios de Monte Alegre, Prainha e destino final em Vitória do Xingu. Até as 10h, apenas 25 vítimas do naufrágio tinham chegado à margem do rio com vida.

De acordo com a Segup, trabalham no resgate das vítimas do naufrágio as Defesas Civis Municipais de Belém, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu. A Polícia Civil já investiga as causa do naufrágio.

INSS já cancelou 168 mil auxílios-doença após convocação de perícias.

Até o início de agosto, o pente-fino feito pelo governo federal nos auxílios-doença concedidos por incapacidade resultou no cancelamento de 168.396 benefícios de segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), que recebiam os valores e há mais de dois anos não passavam por avaliação médica.

O número corresponde a 79,94% das 210.649 perícias feitas até este mês.

Além disso, também foram cancelados 20.304 benefícios porque os segurados não responderam à convocação para perícia feita pelo INSS.

De acordo com Ministério do Desenvolvimento Social, 33.798 benefícios foram convertidos em aposentadoria por invalidez, 1.892 em auxílio-acidente, 1.105 em aposentadoria por invalidez, com acréscimo de 25% no valor do benefício e 5.458 pessoas foram encaminhadas para reabilitação profissional.

Com o pente fino, segundo a pasta, a economia anual estimada até agora é de R$ 2,7 bilhões. Ao todo, 530.191 benefícios de auxílio-doença serão revisados.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DISCUTE RECUPERAÇÃO DA CAJULCULTURA NO ESTADO.

 
  O Programa de Recuperação da Cajucultura no Rio Grande do Norte será tema de audiência pública nesta quinta-feira (24), na Assembleia Legislativa. O debate começará às 14h e contará com a presença de representantes do Poder Público, produtores, técnicos, comerciantes e órgãos competentes.
 
O debate visa encontrar soluções para sanar as perdas de produção do ano passado, apesar dos sinais de recuperação dessa lavoura em 2017. Na região da Serra de Sant’Ana, no Seridó, as baixas registram 40% da produção. Já na Serra do Mel esse número sobe para 45%. A região com os maiores danos é o Médio Oeste, no qual as perdas chegaram a 80%.
 
O Rio Grande do Norte é o principal exportador de castanha de caju do país. De acordo com dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, em 2011, ano em que se registraram boas chuvas no Estado, 5,7 mil toneladas de castanha de caju fresca e sem casca foram vendidas para o exterior.
 
Em 2014, já em emergência por causa da seca, o RN exportou pouco mais de 3,3 mil toneladas. Já no ano de 2015, de janeiro a outubro, cerca de 1,7 mil toneladas foram exportadas. De acordo com o deputado, o atual cenário é reflexo da descontinuidade de programas, sucessivos períodos de estiagem, incidência de pragas e pomares envelhecidos.
 
O debate foi proposto pelo deputado Hermano Morais (PMDB), abordou o tema e avaliou a situação da atividade.
 
“Apesar de figurar entre os principais produtos da pauta de exportação do Estado, a castanha de caju apresentou um declínio nas exportações devido à seca. O longo período de estiagem mudou a paisagem e a Cajucultura potiguar não conseguiu segurar o ritmo de produção nos pomares devido à escassez de chuvas. A audiência pretende minimizar os impactos, solucionar os problemas e reerguer a Cajucultura em nosso Estado”, comentou o deputado.
 
Participarão da audiência representantes da Federação da Agricultura e Pecuária do RN (FAERN), Serviço Nacional e Aprendizagem Rural (SENAR), Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (EMPARN), Federação dos Trabalhadores na Agricultura (FETARN), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural Diretoria Administração e Financeira (EMATER), Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) e Usina Brasileira de Óleo e Castanha (USIBRAS).

Atentado com carro-bomba deixa 6 mortos e 40 feridos no Afeganistão.

Pelo menos seis pessoas morreram hoje (23) e outras 40 ficaram feridas, a maioria civis, em um atentado suicida dos talibãs, no qual um insurgente detonou um veículo lotado de explosivos nos arredores de um quartel policial no sul do Afeganistão.

A explosão perto da entrada do quartel-general da polícia em Lashkargah, capital da província de Helmand, causando "muitas baixas", disse à Agência de notícias EFE o porta-voz da polícia, Salam Afghan.

"O terrorista detonou seu veículo (com explosivos) perto da entrada principal do quartel da polícia, um espaço que também é usado como estacionamento por muitos civis", contou Afghan. Acrescentou que entre os mortos há três mulheres e dois soldados.

O porta-voz contou também que, entre os 40 feridos, mais da metade é de estudantes de uma escola religiosa muçulmana situada a poucos metros do local da explosão, além de três soldados. "Alguns dos feridos estão em estado grave", disse.

Os talibãs reivindicaram a autoria do atentado em uma mensagem numa rede social de seu porta-voz, Zabihullah Mujahid.

"Um ataque contra as marionetes inimigas foi feito perto do quartel general da polícia de Helmand, no qual três veículos blindados (...) foram destruídos, e vários soldados morreram", anunciou o porta-voz talibã.

O atentado acontece um dia depois que o presidente americano, Donald Trump, anunciou que o seu país permanecerá envolvido na guerra do Afeganistão, que já dura 16 anos, com o envio de mais tropas.

Mulher morre esmagada por caminhão em Mossoró/RN.

Um acidente com vitima fatal foi registrado na noite de terça feira 22 de Agosto de 2017, na Rua Seis de Janeiro no Bairro Santo Antônio em Mossoró Rio Grande do Norte.

Segundo informações, uma mulher identificada como Flávia Rodrigues, 35 anos, trafegava em uma moto Biz de cor azul, quando foi atropelada e morta. Ela foi colhida por um caminhão carregado de botijão de gás de cozinha. A mesma caiu em baixo do caminhão e foi esmagada pelas rodas.

Trump entra na defensiva e culpa imprensa pela divisão "dos Estados Unidos".

Encurralado por sua reação ambivalente à violência racial em Charlottesville, na Virgínia, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, adotou uma estratégia defensiva e acusou os meios de comunicação de manipularem comentários, além de promoverem a divisão no país.

As informações são da agência de notícias EFE. O presidente reapareceu após alguns dias com o perfil mais baixo em seu palco favorito: um comício para seus simpatizantes incondicionais, que lotaram o Centro de Convenções de Phoenix, no Arizona.

Trump falou de tudo, mas manteve o foco nos fatos ocorridos em 12 de agosto em Charlottesville, que lhe renderam muitas críticas de líderes de seu próprio partido e a rejeição do mundo dos negócios, com numerosas baixas em seus conselhos de assessoria formados por empresários, que ele acabou sendo obrigado a dissolver.

"O que aconteceu em Charlottesville é um golpe no coração dos Estados Unidos", disse Trump, para, em seguida, tirar do bolso anotações nas quais tinha reunido todas as suas declarações sobre o tema, e com as quais tentou convencer seus correligionários de que condenou os fatos desde o princípio, evitando seus comentários mais polêmicos.

"Eu culpei os neonazistas. Os culpei com tudo. Mencionei os supremacistas brancos, os neonazistas. Citei todos eles, vejamos. O Ku Klux Klan, temos o Ku Klux Klan", lembrou Trump, que acusou os meios de comunicação de ignorarem essas condenações e de citarem comentários seletivos para desacreditá-lo e aprofundar a divisão do país.

Trump, no entanto, não repetiu seus comentários mais polêmicos, quando acusou igualmente os "dois lados" - antifascistas e neonazistas - da violência que resultou na morte de uma mulher em Charlottesville.

Lei obriga aferição gratuita da pressão nas farmácias.

O Diário Oficial do Município trouxe na edição desta terça-feira (22) a promulgação da Câmara Municipal de Natal da Lei 474/2017 que dispõe sobre a obrigatoriedade da realização da medição de pressão a ser realizada pelos farmacêuticos nas farmácias do município de Natal.

De acordo com a matéria, a prestação do serviço de medição e monitoramento da pressão arterial não poderá ter a cobrança de nenhuma taxa ou pecúnia a título oneroso por parte da farmácia em relação ao cidadão do município do Natal e, em caso de cobrança de qualquer taxa ou título oneroso por parte da farmácia, será cobrada multa de 20% sobre o índice de IPCA.

A medição de pressão é uma maneira de saber se a pessoa tem problemas cardiovasculares, e a correta aferição da pressão arterial é a forma mais segura de saber como andam os níveis de pressão arterial de um indivíduo. A lei garante ao cidadão a facilidade de medir a pressão.

“Se você precisa controlar sua pressão arterial regularmente, mas não tem material específico para isto em casa, a medição pode ser feita em farmácias e drogarias, por um profissional capacitado, de forma simples e ágil”, garantiu a vereadora Ana Paula.

INSS paga primeira parcela do 13º salário a partir da sexta-feira (25).

A Previdência Social pagará, a partir da sexta feira (25), mais de R$ 823 milhões a 576.184 aposentados e pensionistas do INSS no Rio Grande do Norte, referente a folha de pagamento do mês de agosto.

O montante inclui a primeira parcela do 13º salário. Apenas com o valor do 13º, circulará no Estado um total de R$ 260 milhões extras. O dinheiro dos benefícios pagos pela Previdência Social é fundamental para a economia de milhares de municípios brasileiros, e em sua maioria, se transforma na principal fonte de receita para o comércio.

A previsão é que aproximadamente 460 mil beneficiários, em todo o RN receberão até o próximo dia 8 de setembro, a primeira parcela do abono anual, correspondente a 50% do valor total. Em todo o país, 29,5 milhões de segurados terão direito ao salário extra.

A primeira parcela do abono é paga integralmente, ou seja, sem desconto de IR. De acordo com a legislação, o imposto é cobrado no pagamento da segunda parcela da gratificação natalina, que ocorre no início de dezembro.

Bahia divulga lista de espécies da flora ameaçadas de extinção.

O estado da Bahia tem 744 espécies da flora ameaçadas de extinção, entre elas a massaranduba, o oiti-cumbuca, bambuzinho, olho-de-boi e o pau-sangue. Após a publicação das espécies de animais em extinção no estado, a Secretaria do Meio Ambiente (Sema) divulgou também a Lista Oficial das Espécies Endêmicas da Flora Ameaçadas de Extinção. A relação está publicada no Diário Oficial do Estado.

Ao todo, foram avaliadas 1.255 espécies da flora, consideradas raras, endêmicas ou sob ameaça de extinção no território baiano e, entre elas, destacadas as 744 espécies em ameaça de extinção. A lista da fauna ameaçada está dividida em três categorias: 122 estão Criticamente em Perigo, 356 na categoria Em Perigo e 266, em Vulnerável.

Todas as espécies de vegetais que constam na lista passam a ser protegidas de modo integral. Segundo a Sema, ficam proibidos a coleta, o corte, transporte, armazenamento, manejo, beneficiamento e a comercialização no estado. No entanto, ficam permitidas a coleta, o transporte, o beneficiamento, o armazenamento e o manejo para fins de pesquisa científica ou de conservação das espécies, mediante autorização do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema).

Com a publicação das espécies de vegetais, a lista vermelha da Bahia fica completa, e isso pode auxiliar no desenvolvimento de políticas de proteção à flora e à fauna do estado. A portaria estabelece ainda que “os estoques ou plantéis cultivados das espécies enquadradas na lista vermelha sejam declarados em até 180 dias após a data de publicação em qualquer unidade do Inema”.

Participaram do levantamento cerca de 100 especialistas de aproximadamente 30 instituições, incluindo universidades, a Sema, o Inema e o Instituto Dríades de Pesquisa e Conservação da Biodiversidade.

terça-feira, agosto 22, 2017

Fátima Bezerra lidera todas as pesquisas para o governo.

As quatro pesquisas que o Blog do BG teve acesso de maio deste ano até o momento realizada no estado por diferentes institutos de pesquisa colocam a Senadora Fátima Bezerra na liderança para ao cargo de governador nas eleições de 2018 no estado.

A própria pesquisa publicada pelo BlogdoBG em maio deste ano realizada pelo instituto SETA já colocava Fátima em 1º com 20% das intenções. A última que o mesmo teve acesso realizada no final de julho a senadora aparecia com 24% das intenções.

Em todas esses levantamentos quem também aparece em segundo é o atual governador Robinson Faria, obtendo entre 11% a 15%.

Mesmo sem confirmar que é candidata ao governo do estado em 2018, a Senadora Fátima vai indiretamente implantando um agenda nesse sentido e entre seus apoiadores e simpatizantes, a candidatura já é dada como certa.

Vale lembrar que Fátima ainda teria após 2018, mais quatro anos de mandato no senado, portanto, não teria prejuízo político nenhum em caso de derrota já que ajudaria o partido nas proporcionais e ficaria com um bom feedback para as eleições de 2022.

Angola vai às urnas hoje para eleger o novo presidente.

A população de Angola vai às urnas hoje (22) para escolher o sucessor do presidente José Eduardo dos Santos, que está há 38 anos no poder. O novo líder deverá ser capaz de administrar um país ainda afetado por causa das quase três décadas de guerra civil e em crise por ter uma economia quase exclusivamente baseada no petróleo. A informação é da EFE.

Após a Nigéria, Angola é o segundo maior produtor de petróleo da África, com uma média diária de 1,8 milhões de barris, que representam quase 95% das exportações do país. A queda dos preços do petróleo em 2013 fez com que os investimentos do governo caíssem 60%, o que acabou repercutindo na já prejudicada situação dos serviços básicos a uma população que vive, em sua grande maioria, com menos de US$ 1 ao dia.

O novo presidente enfrentará a difícil tarefa de diversificar a fonte de investimentos públicos, reduzir a dependência das importações, aumentar a produção doméstica, promover o emprego entre os jovens e lutar contra a corrupção, outro dos grandes problemas do país.

Os quatro partidos que disputam o cargo prometem esses objetivos nos seus respectivos programas eleitorais, mas quem tem mais chance de vencer é o representante do Movimento Popular para a Liberdade de Angola (MPLA), João Lourenço, correligionário de José Eduardo dos Santos.

A União Nacional para a Total Independência de Angola (Unita) e seu líder, Isaias Samakuva, seguem como principais adversários dos governistas, mas as chances de triunfo são pequenas.

Os 9,7 milhões de eleitores registrados deverão decidir se confiam no novo rosto do MPLA para tentar reverter o rumo de um país que, pela abundância de seus recursos naturais, deveria estar entre os mais ricos do continente africano.

Horário eleitoral de 2018 custará R$ 1 bi aos contribuintes.

O horário eleitoral só é gratuito para os políticos. No ano que vem, a propaganda obrigatória em rádio e TV custará R$ 1 bi em renúncias fiscais às emissoras, obrigadas a transmitir os programas. Caberá à população pagar essa conta. O levantamento feito pela associação Contas Abertas calcula que desde 2002 os contribuintes já pagaram R$ 7,4 bi para garantir aos candidatos a exposição na TV e no rádio.

A renúncia fiscal corresponde a 80% do que as emissoras receberiam pela venda do espaço; elas arcam com o restante. “É como se cada brasileiro pagasse, indiretamente, R$ 5,22 para receber informações sobre candidatos e partidos políticos no rádio e na TV” explica a associação Contas Abertas. E o conteúdo veiculado ainda peca pela falta de honestidade. Apesar de todo esse custo, os especialistas acreditam as eleições de 2018 vão confirmar o protagonismo das redes sociais na divulgação dos candidatos.
 
A reforma política em tramitação no Congresso é uma oportunidade de mudar o formato da campanha e diminuir o custo dela. Mas os atuais mandatários não parecem interessados em alterar o modelo da propaganda nem a forma de fazê-la. Ao R$ 1 bi das isenções, podem se juntar a cada dois anos mais R$ 3,8 bi do fundo para financiar as campanhas, de acordo com a proposta apresentada no Congresso. Os partidos ainda levam a cada ano cerca de R$ 800 milhões do fundo partidário. Os parlamentares têm pouco mais de um mês para aprovar a reforma política.

SUS usará próteses impressas em tecnologia 3D.

Com o uso da tecnologia de impressão tridimensional, o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad (Into), ligado ao Ministério da Saúde, vai produzir próteses para pacientes amputados.

A técnica já é usada para a confecção de instrumentos médicos usados em pacientes com artroses de ombro do instituto. Ao tornar mais precisas e ágeis as cirurgias, o Into prevê a redução mais rápida da espera cirúrgica.

Especialistas do Into já se preparam para substituir também braços, pernas e pés amputados, inclusive de crianças. “A ideia é realizar essa cirurgia em larga escala e, a partir daí, extrapolar para outras articulações, como coluna e quadril”, conta o cirurgião Marcus Vinicius, que realizou as primeiras cirurgias em 3D no Into.

A tecnologia tridimensional funciona a partir de um software (programa de computador) que reúne informações para a produção dos instrumentos extraídas de imagens produzidas por tomografia computadorizada. Assim, ela gera o objeto plástico.

Um dos principais desafios das cirurgias é colocá-las na posição correta. Por isso, a grande vantagem da impressora é gerar peças que elevam a precisão da inserção dos equipamentos no corpo de forma menos agressiva.

Em cinco anos, o instituto ampliou a sede no Rio de Janeiro e reduziu a fila cirúrgica de 22 mil para 11.123 cirurgias em espera. No primeiro semestre deste ano, foram realizadas 4.323 cirurgias e 108.389 consultas ambulatoriais.Com informações do Portal Brasil.

TÉCNICA EXTINGUE LEMBRANÇAS QUE CAUSAM FOBIAS E ESTRESSE PÓS-TRAUMÁTICO.

O cérebro evoluiu para a sobrevivência em ambientes hostis. Quanto mais cedo um perigo for detectado e mais rápida for a reação do organismo, maiores as chances de escapar ileso. Por isso, é muito comum que animais, incluindo os humanos, associem certos estímulos sensoriais com uma reação imediata de medo. Se um rato ouve um galho quebrando, olha para trás e vê uma cobra, por exemplo, esse medo voltará todas as vezes em que ele ouvir o mesmo barulho.
 
Mas há uma grande falha nesse mecanismo. Ele pode associar o medo a um estímulo que não se relaciona diretamente a um perigo, como acontece nas fobias e no estresse pós-traumático. Por um lado, é importante que um soldado reaja rapidamente ao som de um tiro. Por outro, seria desgastante para ele sentir ansiedade cada vez que visse uma arma. Uma pesquisa recente mostrou ser possível apagar essas memórias que causam medo. Pelo menos em ratos.
 
Cientistas da Universidade da Califórnia, Riverside, nos Estados Unidos, utilizaram a técnica que combina emissão de luz e genética, a optogenética, para enfraquecer as conexões entre os neurônios responsáveis por transmitir estímulos sensoriais para a amígdala cerebral, responsável pelas emoções e pela memória. Ratos que aprenderam a associar um som com um choque elétrico, paralisando de medo a cada vez que ouviam o barulho, pararam de ter essa reação emocional após o procedimento.
 
Além disso, memórias de outros estímulos não foram afetadas, mostrando que é possível selecionar quais serão apagadas. “Nesse estudo, primeiro, marcamos uma população de neurônios que respondiam a um som associado a um estímulo negativo, como um choque. Como esses neurônios marcados reagem à luz, conseguimos enfraquecer a conexão entre eles e a amígdala”, resume Jun-Hyeong Cho, um dos pesquisadores envolvidos. O estudo, divulgado nesta semana na revista Neuron, ajuda a desvendar os mecanismos de formação de memórias no cérebro e pode abrir caminho para o uso da técnica em tratamentos com humanos.

Chile terá oito candidatos à presidência nas eleições de novembro.

Oito candidatos concorrerão à Presidência do Chile nas eleições de 19 de novembro, após expirar ontem o prazo legal para a inscrição de candidaturas. Na mesma votação, os chilenos também elegerão 23 senadores, de um total de 50 cadeiras da Câmara Alta, 155 deputados e 278 conselheiros regionais, segundo números do Serviço Eleitoral (Servel). A informação é da EFE.

Até um mês atrás, os candidatos presidenciais eram 15, mas sete renunciaram por não terem conseguido juntar as 33.500 assinaturas necessárias para confirmar suas candidaturas.

Entre os nomes que concorrem à presidência estão o ex-presidente Sebastián Piñera (2010-2014), que ganhou em julho as primárias da coalizão direitista Chile Vamos e que, como favorito nas pesquisas, busca um segundo mandato.

Já a coalizão governista Nova Maioria chega dividida. Seu candidato formal é o senador independente Alejandro Guillier, que rejeitou concorrer pelos partidos que o escolheram como porta-voz e optou por reunir as assinaturas requeridas para candidaturas independentes.

A Democracia Cristã (DC) decidiu lançar como candidata sua líder, a senadora Carolina Goic, que quase abandonou o partido após uma crise interna.

A jornalista Beatriz Sánchez, de 46 anos, é a candidata da esquerdista Frente Ampla (FA), após derrotar nas primárias o sociólogo Alberto Mayol, que posteriormente se apresentou como candidato a deputado, em uma polêmica decisão que gerou uma crise nesta emergente coalizão integrada por 12 partidos.

Outros candidatos são Marco Enríquez-Ominami, com baixos índices nas pesquisas e que concorre pela terceira vez em uma eleição presidencial à frente do Partido Progressista, e o senador Alejandro Navarro, um ex-socialista próximo ao movimento bolivariano.

Por sua vez, o deputado José Antonio Kast renunciou à União Democrata Independente (UDI), na qual militou durante muitos anos, para ser candidato em nome de grupos ultraconservadores, círculos de militares reformados e partidários da ditadura de Augusto Pinochet.

No outro extremo do espectro político está o professor Eduardo Artés, candidato do partido de extrema-esquerda União Patriótica (UPA), classificado como stalinista por alguns setores. Antigo admirador de Mao Tse-Tung e da Revolução Cultural, Artés hoje é defensor do regime norte-coreano e considera o Partido Comunista do Chile como traidor.

Após a confirmação das candidaturas, o Serviço Eleitoral deve agora revisar a documentação para confirmar se cumprem com os requisitos legais. No próximo dia 2 de setembro será divulgado se as candidaturas presidenciais, parlamentares e de conselheiros regionais serão aceitas ou rejeitadas.

Segundo o censo provisório do Servel, no Chile há 14.308.131 eleitores aptos a votar nas eleições de novembro, aos quais devem se somar outros 39.129 chilenos que vivem fora do país.

Ministério diz que vai propor ao governo a privatização da Eletrobras .

O Ministério de Minas e Energia informou nesta segunda-feira (21) que vai propor ao governo federal a privatização da Eletrobras.
 
Em comunicado enviado à imprensa, o ministério diz que comunicou a Eletrobras nesta terça que proporá ao conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) a “redução da participação da União” no capital da estatal.
 
Hoje a União tem 51% das ações ordinárias (com direito a voto) e fatia de 40,99% no capital total da Eletrobras;
 
Além disso, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e seu braço de investimentos, o BNDESPar, têm, juntos, 18,72% do capital total da empresa;
 
O PPI é colegiado que trata de privatizações e concessões dentro do governo Michel Temer.
 
Ao jornalista da GloboNews Valdo Cruz, o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, disse que a proposta é que a participação da União na Eletrobras caia para 47% e que a expectativa é de arrecadar cerca de R$ 20 bilhões com a operação.
 
Segundo o ministro, será feito um aumento de capital da estatal na qual o governo não irá participar e, consequentemente, terá a participação reduzida.
 
Também no comunicado, o ministério aponta que, por conta da crise econômica e da situação das contas públicas, não há hoje “espaço para elevação de tarifas nem para aumento de encargos setoriais”, e que “não é mais possível transferir os problemas para a população.”
 
“A saída está em buscar recursos no mercado de capitais atraindo novos investidores e novos sócios. O governo permanecerá como acionista, recebendo dividendos ao longo do tempo. A empresa passará a dar lucro e não prejuízo, o que beneficiará estados e municípios com o aumento na arrecadação de impostos”, diz o comunicado.
 
O texto diz ainda que “a União manterá poder de veto na administração da” Eletrbrás “garantindo que decisões estratégicas no setor sejam preservadas, tais como os encargos setoriais da CDE e o financiamento de projetos de revitalização do Rio São Francisco.

Pelo terceiro ano seguido, desemprego é a principal causa da inadimplência.

Pelo terceiro ano seguido, o desemprego é a principal causa da inadimplência no Brasil, de acordo com levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais. Dos consumidores que têm contas em atraso, mais de um quarto (26%) culpa a perda do emprego, percentual que sobe para 27% quando considerado somente os indivíduos das classes C, D e E.

Em anos anteriores, o desemprego respondia por 33% (2015) e 28% (2016) como principal causa da inadimplência, o que representa estabilidade em relação ao dado deste ano, segundo o SPC. Para a economista-chefe da entidade, Marcela Kawauti, os dados refletem as dificuldades do atual cenário macroeconômico, com perda de dinamismo do mercado de trabalho e renda mais curta.

“Mesmo com a economia começando a esboçar um processo de recuperação, o brasileiro ainda não sente no bolso os efeitos práticos desse processo de melhora gradual. Apesar de inflação e juros mais baixos, a atividade econômica ainda não ganhou tração. O desemprego continua elevado e a renda do brasileiro segue deprimida”, disse.

Outros motivos que levaram os brasileiros à situação de inadimplência são a diminuição da renda (14%) , falta de controle financeiro (11%) e o empréstimo de nome a terceiros (5%) .

O levantamento da inadimplência no Brasil mostrou que as mulheres são maioria entre os devedores entrevistados: 56% contra 44% dos homens. Quanto à faixa etária, a concentração é mais elevada entre os adultos de 25 a 49 anos, que juntos representam 65% da amostra. Nove em cada dez (93%) inadimplentes entrevistados são das classes C, D e E, e 7% pertencem às classes A e B. A pesquisa revelou também que 75% dos inadimplentes têm, no máximo, o segundo grau completo.

Trabalhadores/as em educação da rede estadual avaliam indicativo de greve em assembleia.

Os trabalhadores em educação da rede estadual vão se reunir em assembleia para avaliar o indicativo de greve do segmento. A atividade será no dia 23 de agosto, às 14h, na escola estadual Winston Churchill, Centro de Natal.

Também serão pautadas as ações sindicais desenvolvidas com o intuito de preparar o movimento da rede estadual.

EDUCADORES DE NATAL AVALIAM INDICATIVO DE GREVE EM ASSEMBLEIA

A assembleia dos educadores de Natal marcada para 23 de agosto vai avaliar o indicativo de greve da categoria. A assembleia acontece a partir das 8h, no Clube ASSEN, em Tirol.

Também serão pautadas as ações sindicais desenvolvidas com o intuito de preparar o hipotético movimento grevista da educação da capital.